Fichamento, a história que nao se conta

Páginas: 7 (1654 palavras) Publicado: 2 de outubro de 2013
INTRODUÇAO: Obra de Lino Castellani Filho,apoiada numa concepção histórico - critica da educação, procura dar indícios de uma pratica transformadora da Educação Física no Brasil. É uma abordagem ao estudo da sociedade, da economia e da história.
Relata a história da educação física no Brasil, buscando saber quais necessidades a educação física respondeu em diferentes momentos históricosobservando sua realidade dentro de cada momento, a influência por ela sofrida e as transformações causadas.
CAP I: Um grande quebra-cabeça, as peças todas embaralhadas aleatoriamente. A situação presente no inicio do jogo simbolizada uma visão sincrética do real e varias são as causas determinante desse interesse. De certo, o fato de possuir uma pratica profissional vinculada a educação física. Istoocorre, basicamente para ser uma fonte geradora de produção bibliográfica, ou seja, as obras do professor Inézio Pena Marinho, por serem aquelas de maior aceitação junta aos profissionais. Das leituras que fez a este respeito, uma marcou profundamente: a do Polonês Adam Schaff. Através dela que animaram os historiadores a reescrever a historia. Traz então, Schaff a nossa presença estudiosos queembora possuímos entendimento semelhantes a respeito do assunto, que abordam de maneira distinta. Mas poderíamos argumentar na sombra que diante dessa imensa possibilidade de se fazer leitura do passado, poderíamos estar negando o caráter objetivo do conhecimento histórico. O primeiro principio cientifico da teoria da educação física é fundamentada aos seus fins e seus meios na pratica social emdesenvolvimento em que enriquece igualmente as suas optidões motoras é aprender seus significados relativos a tendências que as rodeiam, buscando estabelecer relações entre os papeis representados pela educação física ao longo de sua existência. Assim tendo sempre presente a preocupação de buscar saber quais necessidades estruturais, buscando compreender em seu todo.
CAP II:
Influência por elasofrida das instituições militares e da categoria profissional dos médicos, buscando interpretar a conotação dada pela educação física a questão do reforço por ela exercido estereotiparão do comportamento masculino e feminino em nossa sociedade. (BRASIL IMPERIO)
Compreender as mudanças havidas no reordenamento econômico-social, a concretização de uma identidade moral e cívica brasileira, analisaro envolvimento da educação física com os princípios de segurança nacional, tanto no alusivo a temática da eugenia da raça quanto aquele inerente a constituição dos estados unidos do Brasil , referente a necessidade de adestramento físico, a defesa da pátria. Desestruturação da ordem político-econômica constituída, como também a eminência de configuração de um conflito bélico a nível mundial.Visando assegurar ao processo de industrialização implantando no país. Mão de obra fisicamente adestrada e capacitada, cuidando da recuperação e manutenção da força de trabalho do trabalhador brasileiro. (1930)
Buscar explicá-la no Ensino superior, tendo em vista a reforma universitária, a intenção de vê-la colaborar através de seu caráter lúdico esportivo, com o esvaziamento estudantil, com oesvaziamento de qualquer tentativa de rearticulação do movimento estudantil , movimento esse que fora vitima de violência repressão, de ordem tanto física quanto ideológica.
PRIMEIRO ATO:
CENA I: O conceito da Ed.fisica cresceu e se esclareceu na alma do povo, que nela passou a ver não uma simples aplicação de grosseiros métodos empíricos ao alcance de todos, mas uma verdadeira e dedicada arte cujoexercício demanda conhecimentos científicos bem especializados.

CENA II: é acelerar o progresso, mas manter a continuidade sócio-econômica.

CENA III: Educação física associada a educação sexual, a qual segundo higienistas (deveria transformar homens e mulheres em reprodutor e guardiões e proles e raças puras)

CENA IV: querem que não obriguem seus filhos a passeios longos, porque a...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • A historia que não se conta
  • Historia que não se conta
  • Licenciatura e bacharelado: a história que não se conta
  • Educação Física: A História Que Não Se Conta
  • resumo do livro a historia que não se conta
  • Educação física no brasil – a história que não se conta
  • educação física no brasil a historia que nao se conta
  • RESENHA – EDUCAÇÃO FÍSICA NO BRASIL: A HISTÓRIA QUE NÃO SE CONTA

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!