Fichamento: a educação do arquiteto e urbanista

Páginas: 10 (2346 palavras) Publicado: 31 de março de 2013
ENSINO NA ARQUITETURA

Fichamento Livro:
“A educação do Arquiteto e Urbanista”
‘Diretrizes curriculares uma contribuição’,

Docente:
São José do Rio Preto, SP
2012

Diretrizes Curriculares:
UMA CONTRIBUIÇÃO
A data limite para resposta ao Edital n.°4/97 da Sesu/MEC, de 10 de dezembro de 1997, publicado no DOU dois dias depois, é 29 de maio de 1998. Esse Edital convoca asInstituições de Ensino Superior (IES) a apresentar propostas a respeito das Diretrizes Curriculares (DC), conforme inciso II do artigo 53 da LDB (Lei 9.394., de 20/12/96). Tais contribuições serão sistematizadas e enviadas ao Conselho Nacional de Educação (CNE) para deliberação, de acordo com o disposto na Lei 9.131, de 24 de novembro de 1995.
A área de ensino de arquitetura e urbanismo realizourecentemente amplo debate nacional a respeito da renovação, atualização e inserção no panorama internacional do ensino de arquitetura e urbanismo no Brasil, culminando com a definição das novas Diretrizes Curriculares, essenciais aos cursos da área, em dezembro de 1994 (Portaria 1.770, do MEC, de 21/12/94). A publicação da "Charter of Architectural Education", em junho de 1996, pela Unesco em conjunto com aUnião Internacional dos Arquitetos (UIA), demonstra e ratifica o acerto das decisões encaminhadas no Brasil para o aperfeiçoamento e atualização da educação dos arquitetos e urbanistas.
A estratégia a médio prazo da Unesco (1996-2001) é orientar suas ações em direção a três objetivos: a) ampliar o acesso ao ensino superior e aumentar a duração dos estudos superiores e as oportunidades desucesso na escola, sem nenhuma discriminação; b) melhorar a gestão dos estabelecimentos de ensino superior e de seus laços com o mundo do trabalho; c) contribuir para a consolidação da paz, impulsionando um desenvolvimento fundado na justiça social, eqüidade, solidariedade e liberdade.
O ensino superior na região, conforme destaca o documento, apresenta entre outras tendências: a) uma expansão notáveldos efetivos estudantis; b) a persistência das desigualdades e dificuldades em matéria de democratização do conhecimento; c) uma relativa restrição dos investimentos públicos no setor; d) a multiplicação e diversificação rápida dos estabelecimentos do 3º grau; e) a parte crescente do setor privado na composição da oferta educacional. A Unesco indica que todas as tentativas coerentes de melhorar aqualidade e a adequação do ensino superior supõem uma transformação significativa de todo o sistema educacional.
CONTEXTO ECONÔMICO, SOCIAL E POLÍTICO
A pauta e a agenda de negociações relativas à inserção dos profissionais liberais nos mercados "integrados" do sul (Mercosul) foram definidas em 1997, culminando, em dezembro daquele ano, com a assinatura do Protocolo de Montevidéu sobre oComércio de Serviços. O Protocolo, aprovado no Conselho do Mercado Comum (CMC) órgão máximo da estrutura formal do Mercosul, não entrará em vigor até que os Estados - partes o aprovem em seus respectivos parlamentos. Quanto à Organização Mundial do Comércio, existem já identificadas diretivas sobre os serviços de arquitetura e urbanismo e o trabalho de arquitetos e urbanistas. Nela se baseia aclassificação da Secretaria Geral do GATT, que compreende 12 grandes setores, entre eles o de número 867, e o correspondente subsetor 8.671 — Architectural Services.
No âmbito da União Européia, desde 1985 o Conselho das Comunidades Européias (CEE) definiu através da Diretiva 85/384/CEE, as condições relativas ao reconhecimento mútuo dos diplomas, certificados e outros títulos do domínio da arquiteturae urbanismo, incluindo medidas destinadas a facilitar o exercício efetivo do direito de estabelecimento e de livre prestação de serviços. Muitos dos aspectos aí tratados constam hoje em dia tanto da "Charter of Architectural Education", já citada, quanto do documento preparatório sobre padrões internacionais do exercício profissional dos arquitetos [e urbanistas] , a ser levado à análise e...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • arquiteto e urbanista
  • Arquiteto e Urbanista
  • Arquiteto e Urbanista
  • Arquiteto e Urbanista
  • Arquiteto e Urbanista
  • Arquiteto e urbanista
  • Arquiteto e urbanista
  • Arquiteto urbanista

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!