FICHAMENTO Texto: “Tudo Começou Com Maquiavel (As concepções de Estado em Marx, Engels, Lênin e Gramsci

Páginas: 8 (1869 palavras) Publicado: 12 de fevereiro de 2014
FICHAMENTO
Texto: “Tudo Começou Com Maquiavel (As concepções de Estado em Marx, Engels, Lênin e Gramsci”
Parte I – A Concepção de Estado em Marx e Engels
“Estado é um poder político que se exerce sobre um território e um conjunto demográfico (...); e o Estado é a maior organização política que a humanidade conhece.” (pg. 7)
“ (...) no Estado estão presentes três elementos: poder político,povo e território. É necessária a presença desses três elementos para que se possa falar de Estado.” (pg. 7)
“Em nossa pesquisa, vamos partir do Estado moderno. O Estado moderno (...) começa a nascer na segunda metade do século XV na França, Inglaterra e Espanha.” (pg. 8)
“Como sempre acontece, só quando se formam os Estados no sentido moderno da palavra é que nasce também uma reflexão sobre oEstado. Desde o começo de 11500 temos Nicolau Maquiavel, que é o primeiro a refletir sobre o Estado. No Príncipe, de Maquiavel encontramos esta afirmação: ‘Todos os Estados, todas as dominações que tiveram e têm o império sobre os homens foram e são repúblicas ou principados’”. (pg. 8)
“Maquiavel, na verdade, é um republicano e um democrata, ligado à experiência da República de Florença, da ComunaFlorentina; ele afirma que nenhum príncipe, mesmo dos mais sábios, pode ser tão sábio como o povo. Apesar disso, ao escrever O Príncipe, Maquiavel parte da consciência do fato de que na Itália existe uma situação de crise de todas as velhas instituições e que só se poderá reconstruir o Estado, renovar a sociedade, se existir o poder absoluto de um príncipe que encabece esse movimento”. (pg. 8)
“NaItália, tratava-se de fundar um Estado e de reconstituir uma organização política da sociedade italiana. Para tanto, Maquiavel pensa no poder de um príncipe, embora ele próprio seja republicano e democrata, ligado emocionalmente à República de Florença”. (pg. 9)
A rebelião de Henrique VIII contra o poder do papa que resultou na separação da Igreja da Inglaterra com a Igreja Católica marcou umafase importante da formação do Estado moderno. Com esse ato, comprova-se a soberania do Estado, sem avais necessários de qualquer papa. (pg. 9)
O Estado moderno, desde sua concepção, apresenta duas características: a autonomia e soberania, que não depende de qualquer outra autoridade, e a distinção de sociedade civil, apesar do Estado ser uma expressão dela. Uma terceira característica diferenciao Estado de concepção moderna do da Idade Média, pois no Estado medieval o senhor é dono de tudo, desde os homens até os bens, podendo vendê-los, presenteá-los e tudo mais. No Estado moderno há uma identificação e equivalência entre Estado e monarca. (pg. 9)
Nicolau Maquiavel
Maquiavel ao refletir sobre o Estado moderno e sua constituição, dando origem à ciência política. Para ele, o Estado temsuas próprias características, fazendo suas próprias políticas, técnicas e leis, utilizando a mesma linha de raciocínio de Leonardo da Vinci: as coisas como elas são, a realidade política e social como ela é. Ou seja, a análise deve ser feita dessa forma, sempre prestando atenção no que se pode fazer levando em consideração a natureza do homem na atuação efetiva. (pg. 10)
“A política leva emconsideração uma natureza dos homens que, para Maquiavel, é imutável: assim a história teria altos e baixos, mas seria sempre a mesma, da mesma forma que a técnica da política (o que não corresponde a verdade)”. (pg. 11)
Para Maquiavel, é mais fundar o Estado através do temor, pois o medo do castigo mantém o governo e os servos presentes e firmes. Percebe-se que não há uma preocupação com a moral, esim com a política em si, fundando-se uma nova moral que é a do cidadão, do homem que constrói o Estado, baseado no relacionamento dos homens. (pg 11)
Bodin
Apesar de ser o primeiro a abordar a política de forma mais realista, Maquiavel não fornecia uma teoria do Estado moderno, como Jean Bodin fez. Segundo ele, o Estado constitui-se pelo poder, sem influência alguma do povo e do território,...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Concepções de Estado em Marx, Engels, Lenin e Gramsci
  • Comentário sobre o texto "marx, engels e lênin"
  • Tudo começou com maquiavel
  • Tudo começou com maquiavel
  • A economia nacional relacionada com os principais conceitos de estado para marx, lênin e gramsci
  • Fichamento Marx E Engels
  • Fichamento Marx e Engels
  • A concepção do estado em marx e engels

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!