fgddddddddddddddddddf

Páginas: 2 (265 palavras) Publicado: 23 de outubro de 2013
rwttttttttttttttttttttttttttttttttttttttttttttttttttw2q55555555555555555555555aaaaaaaaaaaa




eeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeegw45rqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqq-
qqqqqqqq

























weeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeetttt247569


















A luta política pelo direito ádiversidade: a inserção da diversidade nos currículos implica compreender as causas políticas, econômicas e sociasi de fenômenos como etnocentrismo, racismo, sexismo, homofobia e xenofobia. Falar dadiversidade e diferença implica posicionar-se contra processos de colonização e dominação. É entender como algumas diferenças foram naturalizadas e interiorizadas, sendo tratadas de formadesigual e discriminatória. É incorporar no currículo, nos livros didáticos, no plano de aula, nos PPs os saberes produzidos pelas diversas áreas e ciências articulados pelos movimentos sociais e pelacomunidade.
Há diversos conhecimentos produzidos pela humanidade que ainda estão ausentes nos crurrículos e na formação dos profesores, por ex: o conhecimento produzido pela comunidade negra aolongo da luta pela superação do racismo, o conhecimento produzido pelas mulhres no processo de luta pela igualdade de gênero.É urgente incorporar esses conhecimentos que versam sobre a produçãohistórica das diferenças e das desiguladades para superar tratos escolares românticos sobre diversidade.
Todos nós precisaremos passar por um processo de reeducação do olhar. O reconhecimento e arealização dessa mudança do olhar sobre o "outro" e sobre nós mesmos a partir das diferenças deve superar o apelo romântico ao diverso e ao diferente e construir políticas e práticas pedagógicase curriculares nas quais a diversidade é uma dimensão constitutiva do currículo, do planejamento das ações, das relações estabelecidas na escola.


ywqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqqr...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!