Fascismo

865 palavras 4 páginas
O fascismo italiano

Convencionou-se denominar de fascistas os movimentos e regimes políticos ditatoriais e reacionários que se alastraram sobretudo na Europa entre as duas grandes guerras, destacando-se aqueles que predominaram na Itália ( o fascismo propriamente dito) e na Alemanha (o nazismo). Contudo o termo fascismo não compreendeu somente o fenômeno italiano. Ele possui uma aplicação mais ampla. É utilizado ainda hoje para determinar os regimes políticos autoritários que possuem inspiração análoga ao seu congênere italiano. Esses regimes e movimentos caracterizaram-se por grande diversidade doutrinária e organizacional, mas guardaram um conteúdo comum por terem sido anti-democráticos, anti-liberais e anti-marxistas. Entretanto, um traço os distinguiu de outros movimentos anti-democrático: eles foram capazes de mobilizar, em seu apoio, grandes massas, sobretudo oriundas das classes médias. O fascismo, como movimento e como regime, originou-se na Itália, na decáda de 1920. Mussolini e seus adeptos escolheram um símbolo da história romana - o fascio - para emblema do partido político por eles fundado. O fascio era uma " insígnia e instrumento de punição dos litores romanos, composto de um feixe de varas e um machado. Com o feixe de varas, que representava a força, os culpados eram açoitados. Com o machado, símbolo da justiça, decapitavam-se os culpados``. O fascismo náo teve um programa fixo, delineado inicialmente. Ele esteve sempre em transformação.

A situação da Itália depois da Grande Guerra

A história do fascismo está intimamente ligada as condições vividas pela Itália após a guerra mundial de 1914. Revoltada pela forma como tinha sido tratada pelos vencedores na mesa de negociação - recebera em conquistas territoriais menos do que achava que deveria ter recebido - a Itália teve acentuada, no final da guerra, uma grave crise interna que era, de certa maneira, estrutural. O fim do conflito acarretou também da ajuda financeira dos

Relacionados

  • Fascismo
    6748 palavras | 27 páginas
  • FASCISMO
    1008 palavras | 5 páginas
  • fascismo
    1059 palavras | 5 páginas
  • Fascismo
    409 palavras | 2 páginas
  • fascismo
    1560 palavras | 7 páginas
  • Fascismo
    9886 palavras | 40 páginas
  • Fascismo
    2508 palavras | 11 páginas
  • Fascismo
    8939 palavras | 36 páginas
  • Fascismo
    1284 palavras | 6 páginas
  • Fascismo
    512 palavras | 3 páginas