farmácia hospitalar

Páginas: 23 (5623 palavras) Publicado: 11 de maio de 2014
PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE CAMPINAS

CENTRO DE CIÊNCIAS DA VIDA
FACULDADE DE FARMÁCIA





FERNANDA JUNCAL VITÓRIA MAIA


PORTFÓLIO DE FARMÁCIA HOSPITALAR






CAMPINAS
2014

FERNANDA JUNCAL VITÓRIA MAIA



PORTFÓLIO DE FARMACIA HOSPITALAR














PUC-CAMPINAS
2014

Sumário
Sumário 4
REDE DE SAÚDE 5
LINHA DE CUIDADO 7
LINHA DOCUIDADO DO HIPERTENSO: 8
ESTRUTURA DA FARMÁCIA HOSPITALAR 9
ORGANOGRAMA DO HOSPITAL 10
LEGISLAÇÃO 11
FLUXOGRAMA 13
GESTÃO DE ESTOQUES – LOGISTICA. 14
CURVA ABC 16
16
SELEÇÃO DE MEDICAMENTOS 17
FLUXOGRAMA 18
DISPENSAÇÃO DE MEDICAMENTOS E MATERIAIS 19
CONTROLE DE INFECÇÃO HOSPITALAR 21















REDE DE SAÚDE
A definição de rede, em geral, significa união,interligação, em que se há falha em algum local da mesma, o sistema como um todo perde sua funcionalidade já que cada área deve resolver seus níveis de gravidade e permitir a integralidade, atenção continua com qualidade, responsabilidade e humanização. É um arranjo que visa colocar as qualidades da assistência em que uma alimente a qualidade da outra, sendo assim, uma é tão importante quanto à outrapara ser resolutivo.
Para atingir o objetivo da atenção a saúde adota-se três áreas de aplicação que são: cuidados primários, atenção especializada (ambulatorial e hospitalar) e cuidados de urgência e emergência. No entanto, o sistema de saúde se organiza fragmentado. Ao invés de pontos de atenção, como hospitais, ambulatórios, etc., com comunicação fluida entre eles, há esses mesmosestabelecimentos trabalhando sozinhos. O cidadão de acordo com sua situação de saúde, ou de sua gravidade, muitas vezes erra em qual local deve ir para ter a atenção devida. Por conta disso, é importante a intercomunicação entre as unidades para encaminhamento desses pacientes.
A rede de saúde é composta por hospitais, unidades básicas de saúde, pronto atendimentos e ambulatórios. Os hospitais atendem oscasos graves, cerca de 5% dos casos.UBS atende a maioria dos casos e é onde possui os especialistas como GO, clínico geral, entre outros profissionais que acompanham o paciente. Já no ambulatório, é para o agravamento da patologia, onde se encontrará o oftalmologista, oncologista..
As redes se organizam com eixos temáticos, mas elas devem ser organizadas de acordo ou com as condições de saúdeda população, ou com ciclo de vida. Ex: ciclo de vida: “rede de idoso”, “rede de doenças crônicas”; são serviços menos complexos, que são prestados a qualquer cidadão.
Onde deve ficar cada ponto de atenção? A população sabe?
O cidadão não sabe aonde ele deve ir, ele sempre se encaminha ao pronto socorro pois há a cultura hospitalocêntrica que lota os hospitais. Essa cultura deve ser mudada, masdeve ser informado aonde ele deve ir, e porque. A população deve ser adscrita nos centros de saúde do território onde está localizada. Essa regionalização é importante para consolidar os princípios do SUS.
A escala é muito importante, principalmente em cidades pequenas; quanto mais complexo o sistema, mais ele necessita de escala. Nem toda população vai usar o serviço mais complexo, como a UTI,por exemplo. A demanda será pequena para a UTI, e se há pouca pessoas acessando o serviço de saúde, há a dificuldade de manter os profissionais naquela UTI, há a perda de profissionais.. etc. Logo, independente do tamanho da cidade, a saúde básica, primária, deve estar presente ( unidade básica de saúde, equipe de saúde da família.) A partir da atenção secundaria e terciaria, deve ser buscadopelos municípios de maior parte mas com acesso a toda população. Ter articulação entre as regiões.
“antes prevenir do que remediar”: o custo para o sistema é menor e a possibilidade de resolução é maior.
O SUS hierarquiza o sistema público de saúde em três níveis: baixa complexidade (unidades básicas de saúde), média complexidade (hospitais secundários e ambulatórios de especialidades) e alta...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Farmacia hospitalar
  • Farmácia Hospitalar
  • farmácia hospitalar
  • farmácia hospitalar
  • Farmacia hospitalar
  • Farmacia hospitalar
  • farmacia hospitalar
  • farmacia hospitalar

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!