Familias no ponto de vista social

Páginas: 11 (2566 palavras) Publicado: 25 de fevereiro de 2015
Escola Estadual Professor Paulo Freire






Sociologia

Sumário:
Introdução ..................................................

Desenvolvimento..........................................

1. Casamento e Divórcio na sociedade brasileira
2. Crianças criadas pelas avós - Índices e Razões Sociais
3. Famílias Complexas: Pais, irmãos, padrastos, madrastas e meios-irmãos. Abordarnegociações familiares, convívios, incidência dos casos
4. Uniões entre homossexuais
5. União em que os cônjuges moram separados-Razões Sociais e incidências
6. Famílias com filhos adotivos
7. Solteiros e Solteiras ‘’convictos’’

Conclusão.............................................................

Referências Bibliográficas........................................................Introdução:
Apresentaremos os estilos de vida na sociedade nos dias atuais. Sejam eles estranhos ou não ,mostraremos os índices de cada tópico, e por qual problemas eles enfrentam, tais como: preconceito, ignorância e dificuldades.O que realmente se precisa para viver em sociedade.























Desenvolvimento:


1. Casamento e Divórcio na sociedadeBrasileira



Nos últimos 10 anos, o numero de divórcios no Brasil quase dobrou, passando de 1,7% em 2000, para 3,1% em 2010(Dados do IBGE). Mas o numero de casamentos diminuiu. Com isso aumentou o número de uniões consensuais, aquelas em que não há cerimônia no civil, nem religiosa.
Segundo análise do IBGE, no caso dos divórcios a flexibilização colaborou para o aumento o que já havia sidoregistrado anteriormente na pesquisa do Registro Civil, feita em 2011. A partir de 2007, os divórcios puderam ser requeridos por vias administrativas, nos tabelionatos de notas, havendo consenso e inexistindo filhos menores de idade ou incapazes; Além disso, desde 2010 é possível requere a dissolução do casamento a qualquer tempo, seja divórcio de natureza consensual ou litigiosa.
Os cartóriosregistraram 1.041.440 de casamentos no Brasil no ano de 2012, enquanto a quantidade de divórcios chegou a 341,6 mil. Isso quer dizer que, para cada separação registrada no país em 2012, houve pelo menos três casamentos.
O total de matrimônios em 2012, quase a totalidade dos noivos com 15 anos ou mais. Para cada mil habitantes brasileiros nessa faixa etária, houve 6.9 casamentos.
Os maiores índicesde casamentos foram: Rondônia – 10,3 para cada mil pessoas; Distrito Federal – 8,7 para cada mil pessoas; Espírito Santo- 8,7 para cada mil pessoas; Goiás – 8,6 para cada mil pessoas. Por outro lado, os gaúchos são os que menos casam no país: 4,6 para cada mil pessoas; seguidos pelos moradores do Amapá e Maranhão – ambos com 5,0 para cada mil pessoas.




2. Crianças criadas pelas avós -Índices e Razões Sociais


Segundo dados do IBGE, 3,5 milhões de crianças são criados pelos
Avós. O relacionamento entre avós e netos muda a cada ano. O que antes era uma visita de final de semana, para curtir só as coisas boas da vida, agora, em muitos casos, é uma relação cotidiana, repleta de responsabilidades e até de conflitos. Já não sobra apenas a parte boa. Para muitos, auxiliar naeducação dos netos é uma necessidade diante da realidade de vida dos filhos: falta de tempo ou de estabilidade financeira. 
Baseada em dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), mostra que, enquanto em 1991 cerca de 2,5 milhões de netos eram sustentados pelos avós, em 2000 este valor subiu para 4,2 milhões. Segundo a pesquisa, para os próximos anos, ele tende a aumentarainda mais. O Norte do Brasil é a região com o maior percentual de crianças criadas longes das mães: 12%. No Nordeste são 10%%; na região Centro – Oeste 8%; no Sul são 6,4%. O menor índice é no Sudeste: 6%.
A falta de dinheiro é uma das principais razoes para que as mães se separem dos filhos, mas tem menos influencia que o outro problema: a gravidez precoce.
















3....
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • A fobia social do ponto de vista do portador e sua família
  • ponto de vista de um assistente social
  • Organização do ponto de vista social
  • A segurança sob o ponto de vista social
  • A SAÚDE DA MULHER: UM PONTO DE VISTA SOB A ÓTICA SOCIAL
  • O filme Germinal sob o ponto de vista histórico-social
  • ponto de vista
  • Ponto de vista

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!