exploração dos pares craneais

Páginas: 17 (4239 palavras) Publicado: 10 de outubro de 2013
Exploração de nervos cranianos
INTRODUÇÃO
Os nervos cranianos são chamados os componentes do sistema nervoso periférico (SNP), em número de 12 em cada lado (daí o termo " craniana ") emergir a partir do tronco cerebral, embora alguns autores, nem o nervo olfactivo ou o óptico ser incluídos no SNP, uma vez que eles seriam extensões do cérebro. Enquanto os nervos cranianos são misturados(composto por fibras sensoriais, motoras e vegetativo), os nervos cranianos são mais simples:
- Três são puramente sensorial: pares I, II e VIII.
- Cinco são puramente motores: pares III, IV, VI, XI e XII.
- Quatro são mistos: pares V, VII, IX e X. Nós distribuímos os nervos cranianos em 4 grupos:
Cérebro médio: I e II pares.
–  Mesencéfalo: III e IV pares.
–  Protuberancia: V, VI, VII e VIIIpares.
–  Bulbo: IX, X, XI e XII. Esta disposição permite que topograficamente possível localizar uma lesão no sistema nervoso, de acordo com a -gia é derivado a partir do envolvimento de um nervo craniano específico. Apesar do extraordinário desenvolvimento das técnicas de neuroimagem, a exploração adequada e análise das informações obtidas em termos de neuro-anatomía continua a seressencial na abordagem ao paciente com sintomas neurológicos. Para resumir, nas Tabelas 1 e 2 mostram as principais manifestações clínicas decorrentes do acometimento motor e sensorial dos nervos cranianos. Nervo olfativo (nervo craniano I)
 
Esta anatomia nervosa é uma extensão especializada do cérebro, a única via sensorial que atinge o córtex sem fazer sinapses no tálamo. Coleta sensibilidade olfativados receptores da mucosa nasal, levando através de seus axônios (nervo olfativo) que atravessam a lâmina etmóide para chegar ao bulbo olfatório e de lá percorre o trato olfatório ao rinencéfalo núcleo olfativo posterior, que juntamente com o claustro e insula constituem a área de integração de informação olfativa. Exploração é normalmente realizada
No exame de rotina, somente quando hácircunstâncias que nos fazem suspeitar de uma lesão.



NERVO OLFATÓRIO (I PAR CRANEAL) 

Anatomia 

Este nervo é uma extensão especializada do cérebro, sendo a única via sensorial que alcança a corteza sem fazer sinapses no tálamo. Recolhe a sensibilidade olfatória dos receptores da mucosa nasal, a conduz através de seus axões (nervo olfatório) que atravessa a lâmina do etmoides para chegar o bulboolfatório e, desde ali, o tracto olfatório viaja até o núcleo olfatório posterior do rinencéfalo, que junto com claustro e a ínsula constituem na área de integração da informação olfatória. 

Exploração 

Não só realiza-se seu exame de rutina, só quando há circunstancia que nos hagan suspeitar uma lesão.
Fisiologia
As alterações na percepcão olfativa podem ser:
– Quantitativas: hiposmia(diminuição), anosmia (ausência) e hiperosmia (aumento).

– Qualitativas: parosmia/disosmia (ilusão), cacosmia (percepcão desagradável), alucinações e agnosia olfatória (incapacidade discriminativa).


NERVO ÓPTICO (NERVO CRANIANO II)
Anatomia
O par II conduz os impulsos visuais da retina para occipital córtex. A retina converte a luz em um sinal elétrico que viaja através do nervo óptico,formado pelos axônios das células da retina (fotorreceptores, interneurônios e células ganglionares). O nervo óptico é contínuo com o quiasma óptico, onde as fibras se cruzam metade nasal, e continuar ao longo do trato óptico (fibras temporais descruzados), terminando no núcleo geniculado lateral, dom de sinapta com o segundo neurônio. A partir daqui há radiação óptica apenas se fundir no córtex visualprimário (lobo occipital do lado interno).
Exploração
Basicamente, compreende:
A acuidade visual
Examine cada olho separadamente (permitir que o paciente use os seus óculos ou lentes de contato);
- Visão de longe. Carta de Snellen (linhas de letras a diminuição do tamanho de signo), colocado 6 m de distância, a partir do olho direito, o paciente é lido cada linha até que seja capaz de...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Pare
  • exploração
  • Exploração
  • A exploração
  • Pares ordenados
  • pares antagonicos
  • Pares Cranianos
  • numeros pares

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!