Experiência Religiosa

Páginas: 5 (1165 palavras) Publicado: 18 de fevereiro de 2014
Experiência Religiosa
Introdução
Na relação de homem e divindade, ao que se pode chamar transcendência e imanência, o homem corresponde ao mistério, àquilo que lhe é superior às suas possibilidades e conhecimentos, usando daquilo que chamamos de cerimônias, louvando, invocando e manifestando sua gratidão a Deus, estabelecendo desta maneira um contato com o sagrado. Isso, no entanto, não seresume a uma religião, mas a muitas outras, haja vista que o ser humano é um ser religioso complexo, que dependendo de sua cultura, lugar ou necessidade busca encontrar-se com o sobrenatural. É da experiência religiosa que nasce a fé. Desta forma a religião impregna a todas as formas de vida, principalmente, naquela que tange a espiritualidade. E neste contexto, o homem religioso acredita que Deus ocriou e, portanto, sua origem provém de uma divindade.

Desenvolvimento
O homem primitivo, diante do temor dos fenômenos naturais, e de suas necessidades em obter benefícios viu-se impelido a render veneração e culto ao deus sol, a divindade lunar, o trovão, a montanha sagrada, os espíritos da água, do fogo, do vento... A crença de que os fenômenos e forças da natureza são capazes de intervirnos assuntos humanos constitui o fundamento de todas as idéias religiosas dos povos primitivos, que viviam em harmonia com a natureza e sentiam em todas as suas manifestações a presença do sagrado. À medida que o homem passou a organizar sua existência numa base racional, a multiplicidade poderes divinos e sobre-humanos da religião primitiva não
conseguiu mais satisfazer a necessidade deestabelecer uma relação coerente
com as múltiplas forças espirituais que povoaram o universo. Surgiram assim as religiões politeístas e monoteístas, expressões das condições sociais e culturais de cada época e das características dos povos em que surgiram.
As religiões politeístas afirmam a existência de vários deuses, aos quais rendem culto. O politeísmo reflete a experiência humana de um universono qual se manifestam diversas formas de poder sobre-humano; no entanto, nas religiões politeístas ocorre com freqüência uma hierarquia, com um deus supremo que reina e que, em geral, pode ser a origem dos demais deuses. O problema do politeísmo seria delimitar o que se entende como deus ou como algo sobre-humano. Politeístas foram a religião grega e a romana. As religiõesmonoteístas professam a crença num Deus único, transcendente -
distinto e superior ao universo - e pessoal. Um dos grandes problemas do
monoteísmo é a explicação da existência do mal no mundo, o que levou diversas religiões a adotarem um sistema dualista, fundado nos princípios supremos do bem e do mal. As grandes religiões monoteístas são o judaísmo, o cristianismo e o islamismo.

O que ohomem conhece a respeito de Deus não decorre apenas das deduções da própria razão humana. Se o universo físico é regulado por leis segundo a vontade de Deus, as relações entre Deus e o mundo moral e espiritual devem ser similares, reguladas com a mesma precisão e, portanto, naturais. Toda religião pressupõe algumas crenças básicas, como a sobrevivência depois da morte, mundo sobrenatural etc., aomenos como fundamento dos ritos que pratica. Os conceitos fundamentais organizam-se, de modo geral, em um credo ou profissão de fé; as deduções ou explicações de tais conceitos constituem a teologia ou ensinamento de cada religião, que enfoca temas sobre a divindade, suas relações com os homens e os problemas humanos cruciais -- a morte, a moral, as relações humanas etc. Entre as crenças destaca-se,em geral, uma visão esperançosa sobre a salvação definitiva das calamidades presentes, que pode ir desde a mera ausência de sofrimento a felicidade plena de um paraíso. A manifestação das próprias crenças e anseios mediante ações simbólicas é inerente à expressividade humana. Da mesma forma, as crenças e sentimentos religiosos têm se manifestado através dos ritos, ou ações sagradas, praticados...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Experiência religiosa
  • Experiencia religiosa
  • A experiência religiosa
  • EXPERIÊNCIA RELIGIOSA
  • RESENHA: AS LINGUAGENS DA EXPERIÊNCIA RELIGIOSA
  • O sagrado e a experiencia religiosa
  • Ambiguidade da Experiência Religiosa
  • Sobre Os Tipos De Experiências Religiosas

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!