Estudo De Caso Ind Stria Fonogr Fica

Páginas: 12 (2953 palavras) Publicado: 1 de junho de 2015
ESTUDO DE CASO: RESOLVENDO PROBLEMAS ORGANIZACIONAIS
Será que a indústria fonográfica consegue mudar de ritmo?

Você pagaria 15,99 dólares por um CD de seu artista favorito se pudesse baixá-lo de graça na Web?
Essa pergunta vem sacudindo os alicerces da indústria fonográfica. Um número gigantesco de usuários da
Internet vem tirando vantagem dos serviços de compartilhamento de arquivos on-line, apartir dos quais
podem baixar arquivos de música digitaliza dos diretamente da máquina de outros usuários, sem pagar um
centavo por isso.
O pRIAAeiro desses serviços a ganhar ampla popularidade foi o Napster. Os serviços e softwares
fornecidos por seu site permitiam aos usuários localizar qualquer arquivo MP3 dentre um bilhão de arquivos
armazenados nos computadores dos outros membros on-line e,então, copiá-lo gratuitamente para sua própria
máquina. Sem armazenar nenhum arquivo de música, os computadores da Napster funcionavam como
intermediários entre um usuário e um fornecedor. Para conseguir um arquivo específico, você deveria logar-se
no site do Napster e digitar o nome da música desejada. Então o 'índice centralizado do site mostrava uma lista
de computadores conectados contendoaquela música específica. Você selecionava o que queria e o Napster
estabelecia uma conexão direta entre sua máquina e aquela que armazenava a música. O software da Napster
já instalado no seu computador baixava, então, o arquivo para a sua máquina. Você podia tocar a canção no
seu computador ou copiá-la num CD. Uma vez armazenada na sua máquina, outros; poderiam copiá-la de
você. O fascínio da músicagrátis fez a comunidade do Napster inflar: em 2001, havia 80 milhões de usuários
no mundo todo.
Os membros da comunidade podiam baixar legalmente material sem direitos autorais registrados (sem
copyright), mas reproduzir e distribuir arquivos com copyright sem permissão é ilegal, porque o destinatário
não está recompensando o proprietário pelo uso da propriedade intelectual. Em dezembro de 1999,a
Associação da Indústria Fonográfica dos Estados Unidos (RIAA), representando as cinco maiores gravadoras
da época (Universal Music, Sony Music, Warner Music, BMG e EMI), que juntas respondiam por 80 por
cento de toda a produção fonográfica mundial, processou o Napster por violaras leis de copyright.
Os tribunais norte-americanos ordenaram ao réu que deixasse de permitir aos usuários ocompartilhamento de arquivos com copyright. Declarando falência, o site fechou em julho de 2002. Desde
então, transformou-se em um serviço de assinatura de música digital on-line, legal e baseado na cobrança de
taxas.
O Napster foi considerado responsável pela cópia ilegal de músicas porque mantinha, no seu
computador central, um índice com os .arquivos de todos os membros. Contudo, seu encerramento nãodeteve
a disseminação do compartilhamento ilegal. '
_
Foram desenvolvidas abordagens alternativas para o download gratuito, baseadas em tecnologia
peer-to-peer (de usuário para usuário). Essas redes não precisavam de um computador central para administrar
a troca de arquivos. Entre os serviços que usam essa abordagem estão nomes
como Kazaa, Morpheus, Grokster e WinMX.
O Kazaa estabeleceu sua sede emVanuatu, uma ilhota independente perto da Austrália, que permite às
empresas funcionar com pouca regulamentação e é considerada um paraíso fiscal. O software do Kazaa fica
armazenado no computador de cada membro, permitindo-lhe localizar computadores cujos donos
armazenaram arquivos de música disponíveis para cópia. Quando o usuário localiza a canção desejada, o
software estabelece uma conexãodireta, peer-to-peer, entre os dois computadores, e baixa a música, sem que
o usuário pague nada por isso. Os distribuidores do software alegam que ele tem sua utilidade e está dentro da
lei, e que eles não têm culpa se milhões de pessoas o usam ilegalmente.
Para lucrar com seu software, o Kazaa permitiu anúncios pop-up e e-rnails não solicitados de outras
empresas, que pagam por esse serviço. Como...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • LUIZ EDUARDO CONTABILIDADE COMPORTAMENTA Um estudo de caso com os gestores de uma ind stria salineira do munic...
  • Ind Stria
  • Estudo de caso ind. met. r. bomfim ltda
  • O QUE IND STRIA CULTURAL
  • A Geografia Da Ind Stria
  • Ind stria petroqu mica
  • A Contabilidade Na Atualidade E A Ind Stria
  • DISTRIBUI O DAS IND STRIAS

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!