Estudo de caso clínico esquizofrenia

Páginas: 15 (3569 palavras) Publicado: 14 de janeiro de 2013
Academica de enfermagem


Estudo de Caso Clínico
Aluna: Luciana Braga Saraiva
Saúde Mental
INTRODUÇÃO
A esquizofrenia foi inicialmente descrita como doença no final do século XIX pelo psiquiatra alemão Emil Kraepelin. Na época, ele chamou-a de Demência Precoce, pois as pessoas acometidas por ela, na sua maioria jovens, exibiam um comportamento regredido e desorganizado, quelembrava os idosos portadores de demência, como a Doença de Alzheimer.
Contudo, a alcunha de doença degenerativa acompanhou a esquizofrenia por muitas décadas. Com um arsenal terapêutico limitado, a doença encheu vários hospitais em todo o mundo, a ponto de ter o maior índice de hospitalização. A esquizofrenia acomete cerca de 1% da população mundial, independente da cultura,condição sócio-econômica ou etnia. Seu início ocorre mais comumente na adolescência ou início da idade adulto jovem (na segunda década de vida), sendo rara na infância ou após os 50 anos.
A esquizofrenia atinge, portanto, uma parcela significativa da população em idade produtiva, sendo, de acordo com a Organização Mundial de Saúde, a terceira doença que mais afeta a qualidade de vida dapopulação entre 15 e 44 anos. Ademais, é responsável por um alto custo social e dos serviços de saúde, já tendo sido a causa mais frequente de internação hospitalar. No Brasil estima-se que haja em torno de 2 milhões de pessoas portadoras de esquizofrenia.

Manifestações Clínicas
A gravidade e o tipo de sintomatologia podem variar significativamente entre diferentes pessoas comesquizofrenia. Em conjunto, os sintomas agrupam-se em três grandes grupos: delírios e alucinações, alteração do pensamento e do comportamento inabituais e sintomas negativos.
Um indivíduo pode ter sintomas de um, de dois, ou dos três grupos. Os sintomas são suficientemente graves para interferir com a capacidade de trabalho, de relação com as pessoas e do próprio cuidado.
Delírios
Osdelírios são crenças falsas que, geralmente, implicam uma má interpretação das percepções ou das experiências. Por exemplo, as pessoas com esquizofrenia podem apresentar delírios de roubo ou de imposição do pensamento, crendo que outros podem ler as suas mentes, que os seus pensamentos e impulsos lhes são impostos por forças externas.
Alucinações
Podem ocorrer alucinações de sons, devisões, de cheiros, de gostos ou do tacto, embora as alucinações de sons (denominadas alucinações auditivas) sejam as mais frequentes. Uma pessoa pode “ouvir” vozes que comentam o seu comportamento, que conversam entre elas ou que fazem comentários críticos e abusivos.
Alteração do pensamento
Consiste no pensamento desorganizado, que se torna patente quando a expressão é incoerente, muda deum tema para outro e não tem nenhuma finalidade. A expressão pode estar levemente desorganizada ou ser completamente incoerente e incompreensível.
Comportamento inadequado
Este tipo de comportamento pode tomar a forma de simplismos de caráter infantil, agitação ou aparência, higiene ou comportamento inapropriado. O comportamento motor catatônico é uma forma extrema de comportamentoinadequado, no qual uma pessoa pode manter uma postura rígida e resistir aos esforços para se mover ou, pelo contrário, mostrar atividade de movimentos sem estímulo prévio e sem sentido.
Sintomas negativos
Os sintomas negativos ou por déficit da esquizofrenia incluem frieza de emoções, pobreza de expressão, anedonia e associabilidade. O rosto da pessoa pode parecer imóvel; tem poucocontato visual e não exprime emoções. Não há resposta perante situações que normalmente fariam uma pessoa rir ou chorar. A pobreza de expressão é uma diminuição de pensamentos refletida no fato da pessoa falar pouco. As respostas às perguntas podem ser concisas, uma ou duas palavras, dando a impressão de vazio interior. A pessoa pode mostrar pouco interesse em atividades anteriores e passar mais...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Casos clínicos
  • estudo de caso psiquiatria esquizofrenia
  • Estudo de caso sobre esquizofrenia
  • Estudo de caso paciente com esquizofrenia
  • Estudo de caso clínico
  • estudo de caso clinico Pieloplastia
  • ESTUDO DE CASO CLÍNICO
  • Estudo de caso clínico

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!