Estrutura das Relações Internacionais do Estado brasileiro

1348 palavras 6 páginas
A estrutura básica do Ministério das Relações Exteriores compreende:
I - A Secretaria de Estado das Relações Exteriores (SERE), conjunto de unidades do MRE no Brasil, que abrange:
a) órgãos de assistência direta e imediata ao Ministro de Estado; Gabinete; I Assistir ao Ministro de Estado em sua representação política e social, ocupar-se das relações públicas e do preparo e despacho de seu expediente pessoal; II promover a articulação entre o Ministério e os órgãos da Presidência da República; III promover a articulação entre o Ministério e o Congresso Nacional e providenciar o atendimento às consultas e aos requerimentos formulados; IV providenciar a publicação oficial e a divulgação das matérias relacionadas com a área de atuação do Ministério; V exercer outras atribuições que lhe forem cometidas pelo Ministro de Estado.

b) órgão central de direção: Secretaria-Geral das Relações Exteriores (SG);
I - assessorar o Ministro de Estado na direção e execução da política exterior do Brasil, na supervisão dos serviços diplomático e consular e na gestão do demais negócios afetos ao Ministério das Relações Exteriores;
II - orientar, coordenar e supervisionar as unidades administrativas do Ministério das Relações Exteriores no exterior;
III - dirigir, orientar, coordenar e supervisionar a atuação das unidades que compõem a Secretaria de Estado das Relações Exteriores, exceto a dos órgãos de assistência direta e imediata ao Ministro de Estado.
A secretaria-Geral das Relações Exteriores contará com um secretário-geral Adjunto, ao qual serão cometidas atribuições especificas, entre as quais representar o Brasil em missões especiais ao exterior e chefiar grupos negociadores ad hoc.

c) unidades descentralizadas;
Aos Escritórios de Recuperação no Rio de janeiro, no Rio Grande do Sul e na Região Nordeste, compete coordenar e apoiar as ações que o Ministério das Relações Exteriores desenvolva nas suas específicas

Relacionados

  • SIPAM/SIVAM
    4729 palavras | 19 páginas
  • Inserção Internacional-Formação dos Conceitos Brasileiros
    1421 palavras | 6 páginas
  • DAS COISAS
    2969 palavras | 12 páginas
  • Dissertacao atuacao global internacioanl
    61448 palavras | 246 páginas
  • itamaraty
    2798 palavras | 12 páginas
  • O itamaraty
    2162 palavras | 9 páginas
  • Financas Internacional
    15012 palavras | 61 páginas
  • Blablabla
    4161 palavras | 17 páginas
  • administrativo
    7448 palavras | 30 páginas
  • O Brasil e as Relações Internacionais
    1868 palavras | 8 páginas