Estreptolisinas

Páginas: 9 (2126 palavras) Publicado: 9 de abril de 2014
ANTIESTREPTOLISINA

Uma elevação da dosagem do anticorpo antiestreptolisina O (ASLO) é um achado indicativo que houve um contato (nos últimos dois meses) com um tipo de bactéria, chamada de estreptococo beta-hemolítico do grupo A. Os anticoprpos elevam-se a partir de 7 até 14 dias após o contato com a bactéria.Essa bactéria está envolvida no aparecimento de certas doenças, como a amigalite,faringite , escarlatina (infecção da garganta associada com uma erupção da pele) ou erisipela (infecção do tecido abaixo da pele, geralmente nas pernas).Certas doenças de caráter imunológico podem ser desencadeadas pela ação do estreptococo, como é o caso da febre reumática (moléstia reumática) e da glomerulonefrite aguda. Cerca de 20% dos pacientes com febre reumática não apresentam níveiselevados de ASLO.
A ASLO deve ser dosada após jejum de 8 horas e seus valores normais variam de 12 até 166 UI/ml. Os valores da ASLO podem estar elevados em casos de faringite , amigdalite, escarlatina e erisipela. Nessas doenças a dosagem da ASLO possui um valor diagnóstico direto.O exame possui um valor diagnóstico indireto, ou seja, sua elevação fala a favor da doença (mas não faz o diagnósticoisoladamente) nos casos de glomerulonefrite, febre reumática e artrite reumatóide. Nas duas primeiras doenças, os valores podem atingir níveis de até 5.000 UI/ml.Algumas doenças como a tuberculose, podem elevar a ASLO sem que tenha havido algum contato com o estreptococo.
http://portaldocoracao.uol.com.br/exames/anticorpo-antiestreptolisina-o-aslo-exame-laboratorial
5.1 Infecçõesestreptocócicos
Os estreptococos são bactérias Gram-positivas em forma de cocos que se dividem em apenas um plano. Como as bactérias não se separam facilmente após o plano de divisão, elas tendem a formar cadeias e, assim, podem diferenciar-se dos estafilococos que comumente se dividem em diferentes planos formando grupamentos semelhantes a cachos de uva. São catalase-negativos, o que também os diferencia dosestafilococos que são catalase positivos. Constituem a principal população de microrganismos da cavidade oral (Streptococcus sanguis, Streptococcus mutans), além de estarem envolvidos em diversas doenças.
http://www.ebah.com.br/content/ABAAAAa7YAC/estreptococos-infeccoes-tratamento
5.2 Transmissão
A infecção estreptocócica costuma transmitir-se por gotículas de secreção que se espalham desdeas vias aéreas para o ar ambiente por espirros, tosse ou escarro. A transmissão pode também dar-se indiretamente por fômites ou poeira.O surgimento da infecção estreptocócica depende da virulência da bactéria e da resistência do hospedeiro. Quando a imunidade antibacteriana é alta o estreptococo pode falhar em instalar-se ou ou pode ficar confinado à superficie da pele ou da mucosa do hospedeiro.Quando a resistência antibacteriana é baixa ou o estreptococo é altamente virulento, a invasão bacteriana pode determinar tonsilite ou impetigo e a penetração profunda pode causar linfadenite e septicemia. Se os microrganismos invasores produzem grandes quantidades de toxina eritrogênica e a imunidade antitoxina é baixa também, surge a escarlatina.

5.3 Classificação
Os estreptococos sãoclassificados de acordo com a sua capacidade de provocar lise (morte celular) em eritrócitos, em alfa (hemólise incompleta), beta (hemólise total) ou gama (nenhuma hemolise)-hemolítico.
1° É baseada no tipo de hemólise, podendo ser:
 Hemólise total (beta), em que o halo é transparente;
 Hemólise parcial (alfa), cujo halo é esverdeado (hemoglobina metabolizada até bilirrubina e biliverdina);
Sem hemólise (gama).
• 2° Beta - hemolíticos, que é o tipo mais importante:
 Dividida em sorogrupos e sorotipos de acordo com os antígenos, principalmente os da parede.
 Na base do peptideoglicano existe um polissacarídeo que classifica os estreptococo em sorogrupos, utilizando-se letras de A a V.
 A: constitui uma espécie - E. piogenis. Esta espécie possui proteína M, que é o elemento...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Relatório exame anto-estreptolisina.

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!