Estereótipos de meninos e meninas

Páginas: 30 (7266 palavras) Publicado: 24 de março de 2013
CONTRADIÇÕES EDUCACIONAIS: ENTENDENDO COMO SÃO CONSTRUÍDOS OS VALORES EM TORNO DO GÊNERO FEMININO E SUAS ATITUDES SOCIAIS[1].


Resumo: O presente artigo tenta trazer à tona uma explicação entre as contradições que surgem entre os valores patriarcais e androcêntricos passados pela educação feminina, e as atitudes adotadas de dependência, insegurança e submissão pelas mulheres frente a taisaspectos. Para tanto, apontamos que o conceito de papéis de gênero refere-se ao conjunto de expectativas sociais sobre os comportamentos ‘adequados’ e ‘claramente’ distintos que a pessoa deverá manifestar, conforme o sexo a que pertence. Os gêneros ao longo da história da humanidade, sempre foram pautados por relações que implicam uma constante desigualdade e segmentação entre o feminino e omasculino, diante do contexto tanto da educação formal como no contexto informal. Assim pensar sobre a mulher, em relação à educação no Brasil, é pertinente, tendo em vista a formação e estruturação de seus valores. Pois, elas são mães, donas-de-casa, trabalhadoras e dinâmicas, mas pouco visíveis na literatura existente e trabalhada na escola, ainda em sua maioria elas são excluídas da linguagem e ações,quando estão presentes são citadas em situações secundarias. São processos socialmente construídos, gradativamente acumulados desde a mais tenra infância, que se aprofundam na adolescência e juventude, e se perpetuam ao longo da vida, mesmo quando ocorrem significativas mudanças na sociedade, na família, na escola e promovidas pelos movimentos feministas e de muitas mulheres presentes nasociedade. A escola é, portanto, lugar de informação e de formação de cidadania. Diante disso, percebemos discriminações contra as mulheres e a sua exclusão na literatura acadêmica, tanto no discurso como na escrita, uma vez que, no cotidiano escolar, constatamos os seguintes aspectos: um MODELO LINGUÍSTICO ACADÊMICO: em que aparece a palavra inicial no masculino e, em segundo plano, no feminino; fatomuito comum em nossa língua que impõe nas regras gramaticais o contexto do masculino como regra única - é reforçada no inconsciente a discriminação entre os sexos; uma HISTORIOGRAFIA MACHISTA: na maioria dos livros do Ensino Fundamental e Ensino Médio é comum aparecerem afirmações referentes ao homem, relegando-se a papéis secundários a presença da mulher; quando aparecem mulheres é como enfermeira,cuidando dos feridos etc. e, em algumas situações, as mesmas podem, no mínimo, inspirar os soldados, mas não na frente de batalha como lutadoras; e AFIRMAÇÕES E IMAGENS ESTEREOTIPADAS: tal fato aparece em cartilhas de alfabetização, por exemplo, a mulher apresentando situações de medo de barata, lagartixa etc. As mulheres, apesar de apresentarem hoje uma maior escolarização e maior permanência naescola do que os homens, e de terem ampliado sua presença no mercado de trabalho, ainda não concretizaram na prática ações igualitárias, respeitosas e longe da dominação do masculino, na fala, na escrita e na literatura, que implicam na construção de sua subjetividade. Mediante o exposto, é nítida a contradição existente entre os valores passados na sociedade e as atitudes de dependência,submissão e sentimento de exclusão vivenciadas pelas mulheres.

Palavras-chave: Valores. Educação. Atitudes. Gênero. Mulheres.



INTRODUÇÃO


Pensar sobre a mulher, em relação à educação e à cidadania, no Brasil, é pertinente, tendo em vista a discrepância entre a construção de valores e as atitudes desempenhadas pelas mulheres daí decorrentes. Em uma sociedade centrada em valorespatriarcais e androcêntricos, elas são mães, donas-de-casa, trabalhadoras e dinâmicas, mas pouco visíveis na sociedade da qual fazem parte, ainda em sua maioria excluídas das atitudes de cidadãs[2] participantes, atuantes e presentes no encaminhamento de seus valores e suas ações no e para o mundo.
Assim, percebemos que o contexto democrático brasileiro não é vivenciado com a mesma intensidade...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Meninas e meninos
  • meninos e meninas
  • Menino ou menina?
  • Meninos e meninas mitos e verdades
  • Meninos e meninas em uma sociedade sexista
  • brincadeiras de meninos e meninas
  • Meninos e meninas de ruas
  • Coisas de menino e coisas de menina

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!