Estéticas filosóficas

Páginas: 45 (11195 palavras) Publicado: 21 de maio de 2012
Passeio-relâmpago pelas Idéias Estéticas do Ocidente
Eufrasio Prates (1)
[pic]
Os Pré-Socráticos: Cosmogonias Gregas, o Belo e o Bem
Platão: a Doutrina das Idéias e a Arte Mimética
Aristóteles: o Sistema Filosófico e a Mímesis Criativa
Descartes: a hegemonia da ratio no Classicismo
Empiristas Anglo-saxônicos: O Nascimento da Estética Classicista
Kant: o Criticismo e a Faculdade de JulgarHegel: o Absoluto, a Dialética e a Filosofia da Arte
Heidegger: o Ser da Arte numa Weltanschauung Mito-poética
Eufrasio Prates: fractalidade simbólica numa estética caótico-meta-paradoxal
Bibliografia
Notas
[pic]
Tomando-se o termo Estética numa acepção ampla – qual seja a de área do pensamento preocupada com a questão do Belo e das que especialmente decorrem de sua relação com a obra deArte – encontramo-nos em condições de rastrear os seus primórdios filosóficos. Não nos furtaremos assim ao tratamento do período originário precedente do conceito clássico de Estética – instaurado no século XVIII e talvez já morto (ainda que não enterrado) por sua capitalística substituição pela noção de entretenimento nos mass media.
Seria incorreto afirmar que a filosofia do ocidente principia emPlatão. Tal atitude desconsidera não apenas as mais antigas filosofias orientais – que nos influenciaram e influenciam até hoje –, assim como todo o pensamento do período pré-socrático – base primordial sobre a qual a filosofia platônica se instaura. Por outro lado, é inegável que o grande discípulo de Sócrates, fundador da Academia na Grécia clássica, evoca em sua obra a maioria dos pilares queviriam fundamentar o desenvolvimento da filosofia ocidental até os presentes dias. E o que ele talvez tenha deixado "passar batido", Aristóteles, seu discípulo direto, tratou de "matar a pau". Depois deles, vimos por muitos séculos o desenrolar alternado de neo-platonismos e neo-aristotelismos, o que ocorre fortemente até o fim da Idade Média, com menor intensidade de Descartes até Hegel no séc.XIX e talvez ocorra até hoje …
Prenuncia-se já pela distinção acima a divisão no caminho a percorrer em paisagens diferenciadas, segundo o foco de atenção dos pensadores influentes na Estética:
1. Qual a divisão no caminho a percorrer, segundo o foco dos pensadores influentes na Estética?
a) dos primórdios gregos às teses de Tomás de Aquino no fim da Idade Média, onde se enfatiza aobservação do Belo nos objetos estéticos;
b) da Renascença de Ficino ao Romantismo hegeliano, período no qual a ênfase estética passa para o sujeito perceptivo com os racionalistas e empiristas e se desenvolve, após o criticismo kantiano, até a dialética hegeliana sujeito-objeto e
c) da cultura da Einfuhlung (2) no pós-impressionismo à contemporaneidade, das tesesquântico-relativistas-caótico-holonômico-fractais da Pós-modernidade, do pensamento mito-poético e hermenêutico de Heidegger e Gadamer, neo-iluminista da Escola de Frankfurt – Adorno, Horkheimer, Marcuse, Habermas, Benjamim – e semiótico de Peirce a Eco.
2. Qual o objetivo do mapa temporal elaborado para melhor compreensão sobre estética?
É evidente que um passeio tão rápido acaba por reduzir e simplificardemasiadamente uma história tão longa e complexa. Na verdade ele só se justifica como tentativa em despertar o interesse e indicar superficialmente uma diacronia dos pontos fundamentais da Estética ocidental. Cabe ao leitor, a partir desse mapa temporal, escolher como e onde buscar um maior entendimento dos processos pelos quais o homem tem se relacionado esteticamente com o mundo.
Os Pré-Socráticos:Cosmogonias Gregas, o Belo e o Bem
3. Qual o objetivo dos pensadores pré-socráticos?
O exercício do pensamento especulativo na Grécia já se pode encontrar nos séculos VII e VI a.C, com os chamados pré-socráticos. Estes pensadores não tinham a intenção de criar um sistema ordenado de interpretação do mundo. Seus escritos, aos quais temos acesso apenas por meio de fragmentos, procuravam investigar...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • A estetica filosofica
  • Estética e teoria filosófica da arte
  • Pesquisar o conceito de estética e de arte segundo a compreensão filosófica.
  • Filosofica
  • Filosofica
  • filosófica
  • estetica
  • Estética

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!