Escola de estrategia ambiental

Páginas: 7 (1742 palavras) Publicado: 20 de outubro de 2012
Desenvolvimento Organizacional
Objetivos da aula:
Esta aula tem como objetivo central:
• Refletir sobre a necessidade de mudanças nas
organizações;
• Definir e discutir o conceito de desenvolvimento organizacional;
• Analisar os processos de desenvolvimento organizacional.
“Mais importante do que o desejo de mudar é o comprometimento
com a mudança”. (Roberto Shinyashiki)
O período detransformações sociais que caracterizou a década de 60 também foi sentido no ambiente empresarial e na administração das organizações. Os valores organizacionais se alteraram, com a necessidade da valorização individual e desempenho de tarefas
estimulantes para a realização profissional.A crescente valorização e especialização do profissional de administração, o reconhecimento de que este nãobuscava tão
somente a remuneração para a satisfação das suas necessidades, estimulou pesquisadores de diferentes áreas do conhecimento a desenvolver estudos e a propor novos modelos de gestão.
Estes buscavam proporcionar aos indivíduos a consecução dos seus objetivos pessoais e, ao mesmo tempo, contribuir para que os Comportamento Organizacional
Objetivos organizacionais fossem alcançados.Surgiu então uma nova abordagem à gestão de negócios de uma empresa, que seus iniciadores denominaram de Desenvolvimento Organizacional - DO.
Crítica às estruturas convencionais:
As principais criticas às estruturas convencionais de organização são:
• O poder da administração frustra e aliena o empregado;
• A divisão do trabalho e a fragmentação de funções impedem
o compromisso emocional doempregado;
• A autoridade única restringe a comunicação do empregado,
afetando negativamente o comprometimento deste para
com a organização;
• As funções permanentes, uma vez designadas, tornam-se fixas e imutáveis.
As organizações e seus membros resistem à mudança. A resistência proporciona um grau de estabilidade e previsibilidade, porém bloqueia o progresso e a adaptação. Asorganizações que passaram por extensos períodos de sucesso são particularmente resistentes
à mudança. A resistência organizacional à mudança pode assumir diversas formas, seja na esfera individual, seja na organizacional.
As percepções, personalidades e necessidades dos indivíduos afetam sua disponibilidade para a mudança (resistência Individual). Os principais motivos são:
• Hábito: a tendência dereagir de acordo com modos
padronizados;
• Segurança: a mudança representa uma ameaça à
segurança.;
• Fatores Econômicos: medo de que as mudanças reduzam a
renda;
• Medo do Desconhecido.Comportamento Organizacional
As origens da resistência organizacional são:
• Inércia Estrutural: mecanismos de produção de estabilidade:
o processo de seleção, treinamento, socialização,descrições
de cargos, regras e procedimentos;
• Foco Limitado de Mudança: o sistema mais amplo tende a
anular as mudanças limitadas a subsistemas;
• Inércia do Grupo: as normas do grupo podem agir como
barreiras;
• Ameaças à relações Estabelecidas de Poder e Distribuição de
Recursos.
Os que se beneficiam com o “status quo” muitas vezes são os mais
ameaçados pelas mudanças.
Origens edefinição do DO:
O DO é voltado para o reconhecimento e análise das forças de mudança que pressionam as atividades de negócios de uma empresa no ambiente em que atua. As origens do DO podem ser atribuídas a uma série de fatores, a saber:
• A dificuldade de operacionalizar os conceitos das diversas teorias administrativas, cada qual trazendo uma abordagem diferente;
• O aprofundamento dos estudossobre a motivação humana
e a sua interferência dentro da dinâmica das organizações;
• A transformação rápida do ambiente organizacional;
• O aumento do tamanho das organizações e a crescente
Diversificação e complexidade da tecnologia, exigindo integração entre atividades e pessoas;
• A fusão de duas tendências no estudo das organizações: o
estudo da estrutura, de um lado, e o...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Educação Ambiental nas Escolas: Uma Estratégia de Mudança Efetiva.
  • Escolas de estrategia
  • Escolas de estrategia
  • A escola de estrátegia
  • Escola ambiental
  • A ESCOLA AMBIENTAL
  • A Escola Ambiental
  • Escola ambiental

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!