EQUIPOTENCIALIZAÇÃO

Páginas: 5 (1121 palavras) Publicado: 1 de dezembro de 2014
Introdução:
Chama-se Superfícies equipotenciais, superfícies de um campo elétrico, onde todos os pontos apresentam mesmo potencial elétrico, ou seja, suas linhas de força são sempre perpendiculares a sua superfície.
Michael Faraday introduziu o conceito de campo elétrico no século XVII, imaginava o espaço ao redor de um corpo carregado sendo preenchido por linhas de força. Embora não tenhasignificado físico real, tais linhas fornecem um modo conveniente de se visualizar a configuração dos campos elétricos. No eletromagnetismo clássico, o potencial elétrico em certo ponto no espaço, é o quociente entre energia potencial elétrica e a carga associada a um campo elétrico estático. É uma grandeza escalar, geralmente medida em volts. Também é relacionada com a capacidade de um corpoeletrizado realizar trabalho em relação a certo campo elétrico.

Superfície equipotencial:

O trabalho da força eletrostática é definido como o produto escalar da força pelo deslocamento. Logo, o deslocamento de uma carga teste numa superfície equipotencial não envolve trabalho, uma vez que a força e portanto o campo elétrico é sempre perpendicular às equipotenciais. Se em um sistemaeletrostático as linhas equipotenciais podem ser desenhadas, as linhas de força podem ser imediatamente construídas, uma vez que elas são perpendiculares às linhas equipotenciais.

02
Quando uma carga puntiforme cria um campo elétrico, as superfícies equipotenciais desse campo são esféricas com centro na carga.





Já no campo elétrico uniforme, as superfíciesequipotenciais são paralelas entre si. Isso acontece pelo fato de serem perpendiculares.




03
Portanto, como já vimos, se um condutor elétrico apresenta equilíbrio em sua superfície, esta superfície é equipotencial.
Sua representação matemática se baseia na expressão do trabalho:
Então temos:
E = F / q e
T = F x d
Se d = 0; t= o
Assim, T = q x E x d
Por definição, a diferença dePotencial é dada por:
T = q x (VB – VA)
Logo,
E= ( VB – V A ) / d

Onde:
τ= trabalho da força elétrica
q=carga elétrica
(V b - V a) = diferença de potencial elétrico

Quando A e B estão na mesma superfície equipotencial, então Va = Vb, apresentando portanto uma variação de potencial elétrica nula, ( igual à zero) .









04
Relação de Material:
01 Cuba transparentecom papel milimetrado colado externamente ao seu fundo.
03 papeis milimetrados.
01 par de eletrodos retos iguais.
01 par de eletrodos disco.
01 eletrodo anel.
01 ponteira de metal para medições.
01 fonte 0 a 20VDC - 3ª.
01 multímetro digital.

Procedimento Experimental:
● Pregar o papel milimetrado no fundo da cuba pelo lado de fora e instalar os eletrodos retos sobre o seu desenho nopapel milimetrado e efetuar as conexões conforme demostrado.
● A cuba deve ser inicialmente nivelada, com o auxilio de um nível de bolha circular, ajustando-se seus suportes reguláveis. O mau nivelamento nas propriedades elétricas do meio (a resistente elétrica entre dois pontos depende da área da secção reta do volume que os separa).
● Utilize agua comum da torneira. Ela fornece uma solução com acondutividade adequada.
● A agua não deve encobrir os eletrodos utilizados, devendo ter um profundidade de cerca de ½ a 2/3 da altura dos mesmos.
● Os eletrodos devem ser colocados de modo que, uma vez fixados as presilhas laterais tenham bom contato mecânico com o fundo da cuba. Se não ficarem bem encostados ao fundo, haverá corrente espúrias passando sob eles.
● Ligue a ponta de prova pretado multimetro no conector aterrado (COM) e a ponta de prova vermelha no conector para medir voltagens. Logo, Ligue o multimetro na escala de 20VDC.
● Posteriormente, posicione a ponta de prova de referencia do voltímetro em contato com o eletrodo da esquerda. A outra ponta de prova na agua. Meça então o valor da diferença de potencial entre esse ponto e o eletrodo, a cada 1 ou 2 cm ao longo...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!