Engenharia de produção

1542 palavras 7 páginas
Ergonomia e Projeto do Trabalho - Revisão

Vibração

1. Os engenheiros sabem que a vibração pode danificar máquinas e estruturas, e por isto mesmo deve ser controlada e/ou isolada. Da mesma forma, o corpo humano também pode ser afetado – daí a necessidade de medir e estabelecer limites para a vibração, como agente de insalubridade no trabalho. 2. Amplitude do deslocamento - indica o afastamento máximo de um corpo do seu ponto de equilíbrio, medida em micrômetros ou milímetros. 3. Freqüência de vibração - O número de vezes que, durante o intervalo de um segundo, aquele corpo executa uma oscilação completa, é medida em Hz. 4. O corpo humano reage às vibrações de maneiras diversas, a sensibilidade às vibrações longitudinais (ao longo do eixo z, da coluna vertebral) é diferente da sensibilidade transversal (eixos x ou y, ao longo dos braços ou através do tórax). 5. As vibrações são classificadas em: as que são transmitidas ao corpo todo e as vibrações que atingem um segmento do corpo (localizadas). 6. O transdutor de vibração que melhor características exibe para a medição de vibrações no corpo humano, é o acelerômetro piezoeléctrico. Além da grande estabilidade, apresenta uma resposta linear em toda a gama de freqüências de interesse. 7. O ser humano apercebe-se das vibrações numa gama de freqüências que vai dos 0,1 aos 1000 Hz. Os efeitos são graduais em função da sua intensidade, isto é, as vibrações de fraca intensidade afetam o bem-estar e o conforto das pessoas expostas e à medida que o seu nível aumenta, provocam diminuição nas capacidades humanas, prejudicando a execução de tarefas e, em conseqüência a segurança; as vibrações de forte intensidade, a curto ou longo prazo, podem originar lesões fisiológicas e patologias graves. 8. Efeitos fisiopatológicos causados pela vibração: a. Dores de Cabeça; b. Dores nas Costas; c. Fadiga Muscular = pernas e braços; d. Dores Articulares = Pés e mãos;

Relacionados

  • Engenharia de produção
    2660 palavras | 11 páginas
  • Engenharia de producao
    2851 palavras | 12 páginas
  • O que é engenharia de produçao
    5038 palavras | 21 páginas
  • engenharia de produção
    1373 palavras | 6 páginas
  • engenharia de produçao
    42541 palavras | 171 páginas
  • Engenharia de produção
    799 palavras | 4 páginas
  • Engenharia de producao
    772 palavras | 4 páginas
  • Engenharia de Produção
    1087 palavras | 5 páginas
  • Engenharia de produção
    3721 palavras | 15 páginas
  • O que é engenharia de Produção
    619 palavras | 3 páginas