elemaq

Páginas: 18 (4348 palavras) Publicado: 23 de setembro de 2014
O avião existe desde o século XX e a partir do início de sua existência vem sendo evoluído, melhorado e desenvolvido. No início o avião era biplano, de madeira e papel e seu desempenho era lento. Há certa rivalidade de opiniões em relação em que o inventou, sendo discutido entre os irmãos Wright e Santos Dumont. Após algumas décadas o avião foi evoluindo para uma aeronave monoplana, de metal emais rápida e resistente como o Electra, o NYP, o Ford Trimotor e o Vega 5B. Em torno da década de 40 (II Guerra) foi criado o avião mais resistente ainda, mais rápido e melhor desenvolvido como o Focke Wolf, o B-17 E O p-51 e o DC-3. Logo no final dos anos 40 nasceu a era do jato. O primeiro jato foi criado na Alemanha. Era o Messerschmitt Me-262. Um caça com velocidade máxima de 870km/h e tetomáximo de 11450 metros. No início era difícil para o piloto controlar o avião devido a velocidade nova não acostumada a nenhum piloto. O jato evoluiu para uma avião mais rápido, aerodinâmico e com mais capacidade de carga e transporte (1960 – hoje) O avião foi uma das maiores evoluções tecnológicas.

As indústrias aeronáutica e espacial são as grandes impulsionadoras do desenvolvimento dosmateriais compósitos estruturais, por necessitarem de componentes de baixa densidade e que atendam aos severos requisitos de resistência mecânica em serviço. A constante necessidade de redução de peso em aeronaves e estruturas espaciais tem continuamente impulsionado a tecnologia de processamento de compósitos estruturais. Este aumento de uso está associado à redução de peso, com maiores valores deresistências à fadiga e à corrosão, em relação ao alumínio, facilidade na obtenção de peças com geometrias complexas e flexibilidade de projeto na concepção de estruturas de forma integrada, reduzindo, assim, o número de componentes aeroembarcados.
Como muitos dos elementos estruturais utilizados no setor aeroespacial apresentam dimensões consideráveis, os materiais compósitos poliméricos representamum caso de particular relevância dentro dos materiais de engenharia não convencionais, especialmente para aplicações estruturais de uso aeronáutico.
Desde o advento das fibras de vidro, aramida e carbono, a indústria aeronáutica tem se utilizado dessa tecnologia na fabricação de peças para aeronaves. A Figura 1 ilustra o uso de materiais compósitos, em substituição aos materiais metálicos, dasaeronaves Boeing 777, Airbus A-380 e do Embraer 170. Com a evolução tecnológica, os materiais poliméricos, de alta resistência estrutural, foram ganhando espaço neste segmento, podendo ser observado um crescimento desses materiais na fabricação das aeronaves, tendo-se hoje projetos de novas aeronaves com a previsão de uso de 50% em peso em materiais compósitos. A Figura 2 ilustra o uso de materiaiscompósitos na aeronave EMB 170.
O desempenho das propriedades de um componente em uma aeronave é dependente da região em que o mesmo está atuando. Por exemplo, o aumento da resistência estática é útil principalmente em regiões de elevada intensidade de carregamento, como na asa. Em regiões de carregamento moderado, a rigidez é o principal critério de projeto, enquanto que a densidade do materialé importante em qualquer parte do avião.
A indústria aeronáutica exige um controle muito rigoroso na seleção de materiais que são utilizados no projeto e na fabricação de componentes, tendo como base os dados conhecidos das diferentes cargas envolvidas durante as diversas fases de operação da aeronave. Na Figura 3 podem ser observadas as principais cargas envolvidas em uma aeronave em operação.Como ilustração, a fuselagem de uma aeronave pode ser dividida em três secções principais: dianteira, central e traseira. As cargas predominantes durante um vôo comum são as cargas aerodinâmicas que causam flexões e torções na fuselagem; asas e empenagens. As cargas resultantes podem causar regiões de tração, compressão, flambagens e cisalhamentos. Durante o taxiamento ocorrem carregamentos...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • TRABALHO DE ELEMAQ
  • CABO DE A O ELEMAQ
  • ELEMAQ II Chavetas
  • ATPS ELEMAQ
  • Sarkis melconian elemaq
  • ELEMAQ 1
  • ELEMAQ ANHANGUERA 27 05 2015
  • Elemaq 07elementosdevedao Gaxetasretentoreso Ringsselosetcmododecompatibilidade 140304143816 Phpapp01

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!