Educação infantil

Páginas: 6 (1491 palavras) Publicado: 11 de junho de 2011
A MATEMÁTICA O LÚDICO E A INTENCIONALIDADE
A matemática tem um período marcado, onde o homem usava de recursos materiais concretos que era seus instrumentos, tinha a idéia de grandeza. Essa experiência do homem com a matemática se assemelha com a criança, onde ela começa a construir suas noções matemáticas. Atividades como modelar, apreciação artística, pintura, desenho, grafismo, faz com que acriança utilize uma série de situações usando a geometria onde ela trabalha números, quantidade, e espaço. No cotidiano é fácil ver crianças brincando com a matemática, quando ela brinca de figurinha, conta pontos em um jogo, divide bala com colega, tudo indiretamente a faz brincar com a matemática.
A utilização de jogos e de brincadeiras mostra a importância dentro do contexto educação,existem muitos obstáculos para a construção do conhecimento lógico-matemático para a construção do conceito de números, a dificuldade de coordenar relações entre objeto, estabelecer relações e perceber diferença. A facilidade de a criança assimilar uma brincadeira é algo surpreendente, ela se relaciona no jogo de uma forma espontânea sem atentar para outras possibilidades de aprendizagem. Os jogos ebrincadeiras passam a atender as necessidades infantis de forma adequada alcançando conteúdos escolares, levando em conta que a aprendizagem se introduz a atividades lúdicas de socialização, prazer, criatividade e motivação.
O lúdico (jogo e brincadeiras) é uma característica fundamental do ser humano. A criança diferentemente do adulto só deve brincar. Seu desenvolvimento depende do lúdico, elaprecisa do jogo como forma de equilíbrio com o mundo.
(Lima1933P.33.34).
O jogo deve levar a criança a superar um desafio, uma barreira, não somente um momento de lazer é necessário ter um desenvolvimento de que o ensino da matemática necessita. É papel de o professor orientar as crianças para aquilo que o jogo quer passar respeitando a aprendizagem de cada um. A criança usa de sua própriaexperiência para memorizar, expressar-se, e solucionar situações que lhe possibilitem aprender normas e se relacionar umas com as outras.
Segundo Leontieu (1988) o indivíduo o busca a partir de situações de faz de conta do jogo com regras, soluções para realizações de seus desejos. A partir disso a escola pode oferecer a criança jogos de faz de conta que despertam a curiosidade e a iniciativa depropostas de trabalho enfocando apenas a matemática com jogos e brincadeiras visualizando que é possível aprender e entender matemática mesmo com criança pequena.
Os jogos em grupo estimulam o raciocínio lógico, faz com que o aluno pense e se lembre de combinações numéricas. Os professores que trabalham com exercício o levam as crianças a um meio mais desagradável de aprender, pois não permiteque ela aprenda brincando, muitos professores não aproveitam jogos em brincadeiras no ensino da matemática, a criança tem que aprender a fazer trabalhos que geram esforço e dedicação. Mas geralmente trabalhos com jogos apesar de ser prazeroso gera aprendizagem e exige esforço.
Essa interação entre o professor e aluno cria um vínculo de afetividade e ainda gera conhecimento. Cabe ao professor dara criança oportunidade de desenvolver sua capacidade de observar ate atingir a capacidade de percepção. Isso faz com que ela tenha o seu próprio caráter sendo fundamental para o seu desenvolvimento lógico-matemático.
As brincadeiras é um momento de construção de culturas fundado nas interações sociais entre as crianças. Através do brinquedo ou jogo a criança vivesocialmente, muitas vezes são nestes momentos que ela expressa o que sente seja,alegria ou tristeza.O brinquedo é o suporte da sociabilidade.
O desejo de brincar com o outro, de estar e fazer coisas com o outro é a principal razão que leva as crianças a se engajarem em grupos de pares, para brincar juntas. Necessitam construir e manter um espaço interativo de ações coordenadas o que...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • LITERATURA INFANTIL NA EDUCAÇÃO INFANTIL
  • Literatura infantil na educação infantil
  • Educação infantil
  • Educação infantil
  • educação infantil
  • EDUCAÇÃO INFANTIL
  • Educação INFANTIL
  • Educaçao infantil

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!