economia brasileira

Páginas: 7 (1605 palavras) Publicado: 28 de outubro de 2014
Balanço do governo JK 
A política econômica desenvolvimentista de Juscelino apresentou pontos positivos e negativos para o nosso país. A entrada de multinacionais gerou empregos, porém, deixou nosso país mais dependente do capital externo. O investimento na industrialização deixou de lado a zona rural, prejudicando o trabalhador do campo e a produção agrícola. O país ganhou uma nova capital,porém a dívida externa, contraída para esta obra, aumentou significativamente. A migração e o êxodo rural descontrolados fez aumentar a pobreza, a miséria e a violência nas grandes capitais do sudeste do país.
##########################################################
I. O Plano de Metas
Durante o governo de Juscelino Kubitscheck, o Brasil viveu o auge do período da industrialização brasileira.A modernização do país era o eixo do discurso do candidato e a construção de uma nova capital não só se encaixava perfeitamente nesse discurso, como passou a simbolizar a própria modernidade. O principal objetivo do Plano de Metas era estabelecer as bases de uma economia industrial madura no país, introduzindo o setor de bens de consumos duráveis. Ele priorizou a substituição de importações nossetores de bens de capitais e bens de consumos duráveis. O Estado continuou a financiar grande parte das indústrias através de emissões de moeda e empréstimos externos. O governo também concedeu incentivos ao capital estrangeiro, como a instrução 113 da SUMOC (Superintendência da Moeda e do Crédito), que permitia investimento direto sem cobertura cambial e importação de máquinas e equipamentos doexterior, sem impostos, desde que os empresários estrangeiros tivessem sócios nacionais. Outro incentivo dado foi a isenções fiscais e garantias de mercado (protecionismo para novos setores). Desta maneira realizou-se a abertura do mercado nacional para as grandes empresas estrangeiras, que passaram a investir maciçamente no Brasil, numa época onde havia disponibilidade de capitais devido àretração da indústria de guerra. O Plano de Metas pode ser dividido em três objetivos principais: - Investimentos estatais em infra-estrutura, principalmente nos setores de transporte e energia elétrica. O governo JK deu prioridade ao setor rodoviário em vez do ferroviário, para atingir o objetivo de introduzir o setor automobilístico no país; - Estímulo ao aumento da produção de bens intermediários, comoo aço, o cimento, o zinco, o carvão, etc...; - Incentivos à introdução dos setores de bens de consumo duráveis e bens de capital; O Plano também visava impedir que pontos de estrangulamento aparecessem na oferta de infra-estrutura e bens intermediários para novos setores e, através dos investimentos estatais, garantir a demanda necessária para a produção adicional. Outros setores eram tomados comopontos de germinação, onde o investimento neste gerava demandas derivadas que acarretavam novos investimentos, sustentando a taxa de crescimento do país. II. Conseqüências do Plano de Metas Durante esse período a taxa de crescimento real da economia foi de 7% ao ano e a produção industrial cresceu 100%. Apesar do crescimento da produção interna, cresceu também a dependência tecnológica, pois asempresas aqui instaladas continuavam a importar máquinas, e a dependência financeira foi fruto do endividamento e das remessas de lucros realizadas pelas multinacionais. O crescimento urbano foi acompanhado foi acompanhado pelo crescimento de uma "classe média", em grande parte vinculada ao setor de serviços, ampliando-se também o consumo. Ocorreram também mudanças estruturais, em termos de baseprodutiva. Durante o governo de JK ocorreu o pior desempenho da agricultura na época, o que já estava previsto no Plano, que praticamente desconsiderou a questão social e a agricultura. O principal objetivo, a rápida industrialização, foi atingido principalmente a partir de 1958. A aceleração inflacionária ocorreu devido à emissão de moeda. Do ponto de vista externo ocorreu uma deterioração do...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Economia Brasileira
  • Economia brasileira
  • Economia Brasileira
  • ECONOMIA BRASILEIRA
  • Economia brasileira
  • Economia brasileira
  • Economia Brasileira
  • ECONOMIA BRASILEIRA

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!