Dispensação farmacêutica

Páginas: 32 (7755 palavras) Publicado: 19 de maio de 2012
629

ARTIGO ARTICLE

Dispensação farmacêutica: uma análise de diferentes conceitos e modelos Pharmaceutical dispensing: an analysis of different concepts and models

Daniela Angonesi 1

Abstract The present article presents a review of the definitions and methodologies of pharmaceutical dispensing elaborated by the regulating authorities, professional and health organizations in Braziland abroad and also by some Brazilian authors from the perspective of the technical and philosophical aspects involved. Several dispensing models consider the technical aspects related to the medicines and some add the need for orientation with regard to correct use or even elements of the philosophy underlying the pharmacist care model. However, for creating procedures that can be put into practicein a community pharmacy and that meet the purpose of this pharmaceutical activity it is necessary to rethink the concept of pharmaceutical dispensing in Brazil. Key words Pharmacist care, Dispensing, Community pharmacy

Resumo Apresenta-se uma revisão das definições e metodologias de dispensação elaboradas pelos órgãos públicos reguladores, organizações profissionais e de saúde no Brasil e emoutros países e alguns autores brasileiros, sob a perspectiva da contemplação de aspectos técnicos relativos aos medicamentos e a influência da filosofia da atenção farmacêutica. Vários modelos de dispensação consideram os aspectos técnicos relativos aos medicamentos e alguns acrescentam a necessidade de orientação para o uso correto dos medicamentos ou ainda elementos da filosofia da atençãofarmacêutica. Mas é necessário rever a definição da dispensação no Brasil para que possam ser criados procedimentos possíveis de serem realizados na prática em uma farmácia comunitária e que cumpram com os objetivos desta atividade farmacêutica. Palavras-chave Atenção farmacêutica, Dispensação, Farmácia comunitária

1

Centro Universitário Newton Paiva. Av. Silva Lobo 1730, escaninho 312, NovaGranada. 30460-000. Belo Horizonte MG. daniangonesi@hotmail.com

630
Angonesi, D.

Introdução
Desde a industrialização no início do século XX, a farmácia tem convivido com a dualidade entre comércio de medicamentos e estabelecimento de assistência farmacêutica. O farmacêutico deixou de ser um prestador de assistência e se tornou um comerciante de medicamentos prontos. O resgate da funçãoassistencial do farmacêutico vem sendo feito a partir de um novo modelo de prática denominado atenção farmacêutica. Desde a proposição da primeira definição, muitas contribuições têm sido feitas, envolvendo ou não outras práticas farmacêuticas. Mas a filosofia que orienta essas contribuições permanece consensual. Assim, o maior benefício da implantação deste novo modelo de prática está norestabelecimento da relação terapêutica entre o farmacêutico e o paciente, perdida há muito tempo, especialmente nas farmácias comunitárias1. Segundo Cipolle, Strand e Morley, a filosofia da atenção farmacêutica inclui diversos elementos: Começa com a afirmação de uma necessidade social; continua com um enfoque centrado no paciente para satisfazer esta necessidade; tem como elemento central a assistência aoutra pessoa mediante o desenvolvimento e manutenção de uma relação terapêutica, e finaliza com uma descrição das responsabilidades concretas do profissional2. A Organização Mundial da Saúde (OMS) vem desempenhando um papel muito importante nesta evolução. Entre as estratégias e recomendações propostas, estão aquelas voltadas para a formulação de políticas nacionais de medicamentos e o repensar dafunção do farmacêutico no Sistema de Atenção à Saúde, ilustrado pelos informes das reuniões promovidas pela Organização Mundial de Saúde (OMS) em Nova Deli (1988), Tóquio (1993) e Vancouver (1997)3-5. Antes o farmacêutico era simplesmente considerado o responsável pela fabricação e abastecimento de medicamentos, sendo que atualmente seu papel de co-responsável pela terapia do paciente e promotor do...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Dispensação Farmaceutica
  • Dispensação Ambulatorial e Atenção Farmacêutica
  • ATENÇÃO FARMACÊUTICA VOLTADA PARA O USO E DISPENSAÇÃO RACIONAL DE REMÉDIOS NA SAÚDE PÚBLICA
  • Farmaceutica
  • farmaceutica
  • Farmaceutica
  • Farmaceutica
  • farmaceutica

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!