direitos humanos

Páginas: 5 (1057 palavras) Publicado: 18 de setembro de 2014
A guerra caracteriza a vida internacional desde tempos bastante remotos, durante o seu período de ocorrência ela representa o banimento de um dos mais antigos tabus inerentes à espécie humana, que é a proibição do homicídio, o qual representa o alicerce do direito à vida, que atualmente é tomado como o mais intangível dos direitos humanos. A guerra transforma o ato de matar outro ser humano emalgo permitido, legitimado e também comandado, representando assim um mal do mundo.
Os projetos de paz não surgem após um período de guerra devido apenas a uma mera eventualidade, esses projetos ocorrem devido a uma tentativa de estabelecer medidas que venham possibilitar uma melhor relação entre as nações do mundo, impedindo assim que outros conflitos voltem a ocorrer. Não é por acaso que acriação da Organização das Nações Unidas (ONU) ocorreu logo após o período da II Guerra Mundial, mais especificamente no dia 24 de outubro de 1945.
A ONU foi criada com o objetivo de colocar em prática mecanismos que possibilitem a segurança internacional, desenvolvimento econômico, definição de leis internacionais, respeito aos direitos humanos e o progresso social. No período do seu surgimentoapenas 51 nações eram membros, hoje conta com a participação de 192 países, dos quais Estados Unidos, China, Rússia, Reino Unido e França participam do Conselho de Segurança, tendo assim o poder de veto sobre as decisões tomadas pela ONU.
Cabe ressaltar a existência de três paradigmas clássicos de convivência internacional sistematizado por Martin Wight: o hobbesiano-maquiavélico, o grociano e okantiano.
O primeiro paradigma define que a sociedade internacional ainda se caracteriza pelo Estado de Natureza, ou seja, pelo estado de guerra de todos contra todos. De maneira diferente do que ocorre no interior dos Estados, não existe um poder unificado no plano internacional, não havendo assim como resolver os problemas de anarquia dos significados, o qual é resolvido pelo poder soberano no planointerno. Por esse motivo Hobbes defende a ideia de que direito é comando e não sabedoria. Com isso, as regras básicas da vida internacional é a prudência pois a política internacional é apenas a política do poder.
Já o paradigma grociano, em contrapartida ao hobbesiano-maquiavélico, implica na existência de um potencial de solidariedade e sociabilidade na sociedade internacional, o qual é geradopela interdependência das nações, mostrando assim um processo de interesses recíprocos tanto por parte dos Estados quanto por parte de suas populações.
O terceiro paradigma, que é o kantiano, pondera ser possível ultrapassar o modelo baseado nas ideias de Grócio de colaboração interessada, admitindo a inclusão operativa da razão abrangente do ponto de vista da humanidade, mostrando apossibilidade de existência de uma boa relação entre os Estados não apenas por interesse próprio, mas pela consciência de que isso irá gerar um bem maior.
A carta das Nações Unidas, assim como outros pactos de paz encontram vários de seus fundamentos baseados nos paradigmas grociano e kantiano.
A partir da segunda metade do século XX, após a II Guerra Mundial, a ideia de que a sociedade internacional eraresponsável pela vida e proteção dos direitos humanos da pessoa, não dependendo do seu Estado começa a ganhar força, motivando assim a criação de um regime que reconhece a existência do indivíduo no cenário internacional.
A carta da ONU defende como autêntica a preocupação internacional com os direitos humanos. As análises sobre os motivos que levaram os estados a se comprometerem com os direitoshumanos alteram entre os que acreditam que a Declaração realmente representa um avanço na relação das ideias mais elevadas da humanidade e aqueles que creem que esse compromisso só foi aceito porque consideravam que não haveria nenhuma consequência importante, visto que nem a ONU nem qualquer outra organização internacional possuíam a capacidade ou legitimidade necessárias para cobrar dos...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Direitos HUmanos
  • Direitos Humanos
  • DIREITO HUMANOS
  • Direitos HUmanos
  • Direitos Humanos
  • direito humano
  • direitos humanos
  • direitos humanos

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!