Direito do cidadão

347 palavras 2 páginas
A vida é um direito de todo cidadão
Sob os primeiros raios de sol, um alto falante estourado lista as acusações e anuncia a sentença capital contra os dois homens. Um seria por ser um traficante de drogas, e o outro por estrupar mulheres em seu horário de serviço como técnico eletricista. Os acusados foram colocados nos patíbulos, improvisados na caçamba dos caminhões. Em volta dos acusados havia vários cidadãos e policiais observando. Após a morte, que foi feita através de um estrebuchamento, e que durou apenas um minuto, os corpos foram retirados pelos policiais em um saco de lona. Ao passar-se 45 minutos o trânsito na praça é reaberto, com muitas buzinas e uivos de sirenes dos oficiais.
De acordo com o governo estatal, isso era a solução para a sociedade, mas onde devemos parar e observar, por mais que eles estavam errados, tenham cometidos muitos erros com pessoas inocentes, há os direitos humanos, que são os direitos e liberdades básicos de todos os seres humanos. O direito à vida, é estimado um dos direitos humanos por todas as declarações internacionais surge como o mais importante deles, por ser desígnio necessário para obtenção e o exercício de todos os demais direitos.
Há várias outras maneiras que poderiam ser tomadas como medidas para que esses homens aprendessem os seus direitos e deveres. Não seria necessário a pena de morte, pois a vida de um cidadão no Art. 5º da Constituição Federal relata sobre o direito a vida. No Art. 2º do Código Civil nos proporciona o conhecimento que a vida deve ser protegida pelo direito.
A vida só ninguém pode e nem deve tirar, pois nesta sociedade todos somos pecadores, e o único que pode ou não tirar é quem nos deu a vida, caso contrário, todas as pessoas devem ter o direito a vida, serem respeitadas. O direito à vidal ninguém poderá ser reservado particularmente, caso haja transgressão, haverá pena criminal.
Coletânea Direitos humanos, acessada em 06 de novembro de 2012, Universidade São Francisco.

Aluna:

Relacionados

  • Direitos do cidadão
    746 palavras | 3 páginas
  • direito dos cidadaos
    3582 palavras | 15 páginas
  • Direitos do cidadão
    10993 palavras | 44 páginas
  • Direito de um cidadão
    485 palavras | 2 páginas
  • Direitos do cidadão
    469 palavras | 2 páginas
  • direitos do cidadão
    279 palavras | 2 páginas
  • direito cidadão
    3316 palavras | 14 páginas
  • Direitos do cidadão
    254 palavras | 2 páginas
  • Direito do cidadao
    286 palavras | 2 páginas
  • Direitos do cidadão
    453 palavras | 2 páginas