Desjudicialização: Conflitos Coletivos do Trabalho

Páginas: 476 (118901 palavras) Publicado: 28 de outubro de 2013
DESJUDICIALIZAÇÃO
CONFLITOS COLETIVOS DO TRABALHO

Clovis Renato Costa Farias

Clube de Autores
2011

1

Clovis Renato Costa Farias

DESJUDICIALIZAÇÃO
(CONFLITOS COLETIVOS DO TRABALHO)

1ª Edição

São Paulo
Clube de Autores
2011
2

Editora Clube de Autores
Edição do autor.

FARIAS, Clovis Renato Costa. Desjudicialização: conflitos
coletivos do Trabalho. São Paulo:Clube de Autores, 2011. 511
p.
ISBN 978-85-912644-0-7

Direitos reservados desta edição por
Clovis Renato Costa Farias

Impresso no Brasil

Página do autor: vidaarteedireito.blogspot.com
Canal: www.youtube.com/user/3mestress
Periódico Atividade:
vidaarteedireitonoticias.blogspot.com
3

4

Para minha família, em especial,
aos pais naturais (Hady e Sebastião),
aos pais de coração(Auzim e Socorro),
e minha irmã Regina, todos
trabalhadores incansáveis e
sábios na existência.
E aos amigos, na pessoa,
do Professor Dr. Gérson Marques,
um dos maiores guerreiros
trabalhistas da contemporaneidade.
5

AGRADECIMENTOS
De início, agradeço a Deus por ser o pai amigo, a
estrela-guia, a consolação e o repouso em todos os
momentos. Sinônimo de alegria e esperança, que temestendido sua bondade sobre sua criação, mesmo, por vezes,
claudicante na fé.
Em seguida, agradeço a toda a minha família pelo
empenho, cuidado e atenção que sempre me dispensaram,
uma verdadeira fonte de inspiração quanto aos valores mais
sublimes desta existência. Em especial, aos meus genitores
Hady e Sebastião, minha irmã Regina, meus pais de coração
Auzim e Socorro, pela obstinação,paciência e esperança.
Paralelamente, sou profundamente grato a todos os
amigos, presentes divinos, inafastáveis companheiros da
escola da vida. Bem como aos que, de algum modo, me têm,
momentaneamente, como desafeto, por lapidarem a fogo
minhas imperfeições e contribuírem para o meu crescimento
espiritual até que possamos andar sinceramente
harmonizados.
Destaco, neste trabalho, a relevânciaque tiveram
Regina Sônia Costa Farias, Márcio Antônio Pontes Ibiapina,
Lauredísia Carvalho Ribeiro Passos, Rita Cláudia Moreira
Lopes e Francisco Vicente de Paula Júnior, por estarem
sempre disponíveis para os debates e para a leitura dos
capítulos componentes desta obra. Assim como sou grato a
Ana Maria Camelo de Almeida (Bibliotecária da
Procuradoria Regional do Trabalho da 7ª Região),Valdélio
6

de Sousa Muniz (Assessor de Comunicação da PRT-7ª
Região), todos os trabalhadores da 7ª Região, e a Marilene
Arrais (heróica servidora do mestrado em direito da UFC),
pela alegria e solicitude de sempre. Especialmente a Érica
Regina Albuquerque de Castro pelo apoio, companheirismo e
dedicação.
Sou grato, também, aos professores da UFC, que me
fizeram ver o Direito com novosolhos, em especial os
Professores Doutores Rui Verlaine Oliveira Moreira, Alba
Maria Pinho de Carvalho e Maria Vital Rocha,
conjuntamente com o Professor Dr. Francisco Ivo Dantas
Cavalcanti (UFPE), esmerado examinador de minha
dissertação de conclusão do Mestrado em Direito. E aos
grupos de estudo, da referida universidade, GRUPE (Grupo
de Estudo de Pesquisas sobre o Direito do Trabalho) eGrupo
de Estudos Boaventura no Ceará, dos quais participo.
Por fim, sou eternamente grato ao Professor Doutor
Francisco Gérson Marques de Lima, símbolo de trabalho e do
trabalhismo no mundo, principalmente por toda a amizade,
respeito e serenidade. Um dos maiores guerreiros protetores
dos obreiros, tanto nas estratégias intelectuais quanto nos atos
precisos com que desenvolve seu mister, comquem tive a
honra de conviver durante a feitura deste escrito.

7

“Mas o justo persistirá no seu caminho, e aquele que tem as
mãos puras crescerá em fortaleza.”
(Livro de Jó, 17:9)
8

9

PREFÁCIO
A presente obra é fruto de estudos e prática
desenvolvidos na advocacia trabalhista, ocupando o Cargo de
Assessor-Chefe da Procuradoria Regional do Trabalho na 7ª
Região, Ministério...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • CONFLITOS COLETIVOS DE TRABALHOCONFLITOS COLETIVOS DE TRABALHO
  • Conflitos coletivos de trabalho
  • Conflitos coletivos de trabalho
  • Conflitos coletivos de trabalho
  • conflitos coletivos de trabalho
  • Conflitos coletivos de trabalho
  • Conflitos coletivos de Trabalho
  • Conflitos coletivo de trabalho

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!