Desenvolvimento sustentável

Páginas: 30 (7356 palavras) Publicado: 16 de junho de 2013

















TRABALHO ACADÊMICO PRÁTICO - TAP


DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL








Nome: TATIANA MARIA VIEIRA
Matrícula: 1218501-3
Curso: ADM. GESTÃO HOSPITALARProfessor: NESTOR




Brasília –DF
Novembro 2012









TAP - DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL

Com base no texto “Economia e Desenvolvimento Sustentável” em anexo, responda às seguintes questões:

1. O que é Ecodesenvolvimento?
É caracterizado por umaconcepção alternativa para o desenvolvimento, tendo por base três pilares: justiça social, eficiência econômica e prudência ecológica. Ignacy Sachs, um dos maiores expoentes do Ecodesenvolvimento, formulou os seus princípios, sendo integrados basicamente pelos seguintes seis aspectos: a satisfação das necessidades básicas; a solidariedade com as gerações futuras; a participação da populaçãoenvolvida; a preservação dos recursos naturais e do meio ambiente; a elaboração de um sistema social garantindo emprego, segurança social, e respeito a outras culturas; e programas de educação.
A proposta do Ecodesenvolvimento e muitos de seus debates contribuíram para a formulação do conceito de desenvolvimento sustentável., Sachs considera os dois termos como sinônimos, “... ecodesenvolvimento, umaexpressão que foi mais tarde rebatizada pelos pesquisadores anglo-saxões como desenvolvimento sustentável”. (Sachs, 1993)

2. Conceitue Desenvolvimento Sustentável.
O “Desenvolvimento sustentável é o desenvolvimento que garante o atendimento das necessidades do presente sem comprometer a habilidade das gerações futuras de atender as suas necessidades”.

3. O que são externalidades?
Asexternalidades relacionadas às falhas do mercado são encontradas na obra de Marshall. Pigou o sucedeu na Escola de Cambridge, e, prosseguindo na mesma linha, desenvolveu a primeira análise sistemática da poluição como uma externalidade.
Mas, em fins da década de 1960, a intensificação da poluição decorrente da expansão industrial da Europa, dos Estados Unidos, do Japão e da União Soviética, com fortesincrementos nos fluxos de materiais e energia passando pelo sistema econômico, levou os neoclássicos ao desenvolvimento de modelos de equilíbrio geral, explicitando os papéis do meio ambiente como fornecedor de recursos naturais ao sistema econômico e como receptor de resíduos e rejeitos dos processos de produção e consumo. (Mueller, 2000)

4. Pigou e Coase foram dois expoentes da economiaambiental neoclássica. Compare as propostas que ambos sugeriram para internalizar as externalidades decorrentes da poluição.
A teoria da poluição tem por base a teoria neoclássica do bem estar e dos bens úblicos esenvolvida por Pigou, centrando sua análise na distinção entre os custos e benefícios privados e sociais e entendendo o meio ambiente como um bem público.
Sendo o meio ambienteconsiderado um bem público, não se espera que os produtores venham internalizar esta externalidade de forma espontânea. Pigou (1932) propõe, então, a criação de uma taxa aos poluidores com a finalidade de forçá-los a internalizar em seus custos os danos que estão provocando ao meio ambiente. A empresa será induzida a tratar seus efluentes até o ponto em que, o custo do tratamento de uma unidade a mais depoluente, exceda a taxa de efluente que está sendo paga por uma unidade de poluente lançada ao meio ambiente sem tratamento. Pearce and Turner (1990), Donaire (1999).
Coase (1960), propõe a livre negociação entre os agentes envolvidos em conflitos ocasionados por externalidades. “Segundo Coase, a solução mais eficaz para situações de danos por contaminação é um processo de negociação entre o...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Desenvolvimento sustentável
  • Desenvolvimento sustentável
  • Desenvolvimento Sustentável
  • Desenvolvimento Sustentável
  • Desenvolvimento sustentavel
  • desenvolvimento sustentavel
  • Desenvolvimento Sustentavel
  • Desenvolvimento Sustentável

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!