derivativos

Páginas: 10 (2310 palavras) Publicado: 28 de setembro de 2014






A IMPORTÂNCIA DO TRATAMENTO CONTÁBIL DOS DERIVATIVOS E SUA ANÁLISE EM VISTA DA LEGISLAÇÃO ATUAL.







SUMÁRIO

REFERÊNCIAS 12
Histórico
Falar dos derivativos
Administração financeira
Evidenciação
Ifrs sobre derivativos




1. INTRODUÇÃO

Os derivativos são aqueles instrumentos financeiros que derivam ou dependem do valor de outro ativo e que se caracterizamnormalmente, como contratos padronizados, negociados entre as partes em mercados secundários organizados.
O derivativo é um grande exemplo do poder e da velocidade das transformações do mercado financeiro, sempre mais adiante que os outros mercados. Esse mercado não tem tempo a perder, cabendo a sociedade acompanhar seus avanços, inclusive o ordenamento jurídico.
Este projeto visa analisar aevidenciação desses instrumentos financeiros no Brasil, o que tem sido feito pelos órgãos normativos para a evolução das normas que regem esses títulos. Qual a legislação existente no Brasil e no mundo sobre esse tema, seu tratamento contábil e problemas com a análise e quantificação dos riscos.

2. TEMA
A Importância do tratamento contábil dos derivativos e sua análise em vista da legislaçãoatual.
2.1. Delimitação do Tema
Fazer a análise do tratamento contábil dos derivativos no Brasil em um comparativo com a legislação vigente atualmente no país, aproveitando para identificar o que os autores e normas internacionais indicam a respeito do tema.
3. PROBLEMA

O presente trabalho vem responder a seguinte questão: o tratamento e a evidenciação contábil dos derivativos no Brasil vêmsendo tratada da maneira mais adequada para uma geração de informações seguras aos usuários e respeitando corretamente as normas vigentes?

4. OBJETIVOS
4.1 Objetivo Geral
Identificar de que forma o tratamento e a evidenciação distorcida dos derivativos pode prejudicar na análise financeira da entidade e na geração de informações seguras aos usuários.

4.2. Objetivos Específicos

Analisarcomo os derivativos são evidenciados no Brasil em comparação com as normas nacionais e quais os problemas que essa evidenciação pode causar;
Identificar quais os problemas que uma evidenciação inadequada dos aspectos quantitativos e risco de suas posições, sobre todos os derivativos utilizados pode causar na qualidade da informação da entidade;
Comparar como os órgãos reguladores nacionais einternacionais vêm tratando esses dispositivos financeiros.
Verificar se as normas brasileiras vigentes estão de acordo com as necessidades de evidenciação dos derivativos atualmente;
Indicar como as tendências internacionais vêm ajudando na discussão sobre a evidenciação dos derivativos no Brasil.

5. JUSTIFICATIVA

Os derivativos ganham importância cada vez maior como instrumentos de proteçãocontra riscos financeiros e também como alternativa para melhorar a rentabilidade de uma serie de produtos oferecidos pelas instituições do mercado.
Uma evidenciação com a análise e quantificação dos riscos dos derivativos se torna cada vez mais necessária na medida em que as operações com derivativos alcançam valores exorbitantes nas bolsas mundiais, requerendo, dessas formas, um tratamentomais adequado por parte da literatura contábil.
E a tendência mundial é de que o volume e a complexidade dessas operações devem aumentar consideravelmente nos próximos anos.
Um exemplo desse aumento de volume e complexidade das operações é o total de derivativos das carteiras de todos os bancos dos EUA que somam a fantástica soma de mais de 175,8 trilhões de dólares, 92% destes nos três maioresbancos americanos.
Os procedimentos contábeis e a evidenciação desses instrumentos ainda não estão perfeitamente consolidados uma vez que todos os riscos envolvidos com a sua operação não estão perfeitamente evidenciados nas demonstrações financeiras das empresas.
Essa não consolidação prejudica na tomada de decisões internas da empresa tanto no ambiente de controle de riscos quanto nas...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Derivativos
  • Derivativos
  • Derivativos
  • Derivativos
  • Derivativos
  • derivativos
  • derivativos
  • Derivativos

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!