Demencia

Páginas: 7 (1547 palavras) Publicado: 22 de abril de 2014
CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIFACVEST
CURSO DE PSICOLOGIA











DEMÊNCIA: IMPACTO PARA A FAMÍLIA E A SOCIEDADE












LAGES
2013
ANGÉLICA A. ROSA DOS SANTOS
GABRIEL SANTOS
MARIA RAQUEL MULLER
MICHAEL MARQUEZ







DEMÊNCIA: IMPACTO PARA A FAMÍLIA E A SOCIEDADE







Trabalho sobre Demência e seu impacto para a família e a sociedade apresentadona disciplina de Psicologia do desenvolvimento II, no curso de Psicologia, do Centro Universitário Unifacvest, Lages, S.C.





LAGES
2013
DEMÊNCIA: IMPACTO PARA A FAMÍLIA E A SOCIEDADE

Selenita Lia Alfonso Luders
Maria Silvia Barros Storani






ENVELHECIMENTO NORMAL




É sabido quecom o envelhecimento ocorrem perdas de grupos celulares e diminuição da capacidade funcional de muitos sistemas bioquímicos, o que leva a um prejuízo cognitivo sem que isto signifique doença, loucura ou demência.
Estudos demonstram que as habilidades verbais, principalmente a capacidade de leitura, o conhecimento dos significados das palavras e a utilização dos mesmos, permanecem inalterados oupouco comprometidos com o envelhecimento.
Em relação à inteligência, pode-se classificá-la em inteligência cristalizada (até 70 anos) e inteligência fluida (atinge um pico aos 20 anos e, a partir daí, segue um declínio progressivo, de forma que aos 60 anos já existe comprometimento considerável em relação à mesma).
O indivíduo idoso apresenta determinado grau de lentidão.
A capacidade aritméticageralmente permanece estável, podendo ocorrer certo grau de comprometimento.
Em relação à memória a capacidade de reter e evocar material imediatamente aprendido (memória primária) não é alterada pelo envelhecimento normal. A memória secundária, cuja construção depende de aprendizado, declina com a senescência.
Alterações comuns na esfera cognitiva ocorrem com a senescência dificultando aoprofissional determinar se a perda de memória, por exemplo, é normal ou se é consequência de um processo patológico.



DEMÊNCIA





Síndrome clínica, na qual ocorre decréscimo adquirido da função cognitiva, manifestando-se com déficit de memória e de outras funções corticais superiores como linguagem ejulgamento, entre outras. Ocorre uma combinação de mudanças neuropatológicas e perda da capacidade do indivíduo de se adaptar à sua nova condição.

SINAIS DE ALERTA:

1. Esquecimento interferindo na função
2. Dificuldade para AVDs
3. Distúrbio de linguagem
4. Desorientação no tempo e no espaço
5. Comprometimento do julgamento
6. Comprometimento do raciocínio abstrato
7. Perda freqüente deobjetos
8. Alteração do humor e do comportamento
9. Mudança da personalidade
10. Perda de iniciativa

TIPOS E CARACTERIZAÇÃO: DEMÊNCIAS IRREVERSÍVEIS


Degeneração Primária na Demência Tipo Alzheimer










Caracteriza-se por um declínio insidioso, progressivo da memória e de outras funções corticais como linguagem, conceito, julgamento e habilidades visuo-espaciais.Déficits cognitivos:
Graves
Comprometem o funcionamento ocupacional e social
Declínio em relação a um nível anteriormente superior

MEMÓRIA:
Sintoma inicial proeminente
Dificuldade de aprender
Esquece fatos antigos
Perde carteiras, chaves
Esquece alimentos no fogão
Perde-se em locais não familiares
Impacto nas funções: Capacidade de trabalhar
Fazercompras
Cozinhar
Pagar contas
Voltar para casa
AFASIA:
Dificuldade na evocação de nomes de pessoas e objetos
Discurso digressivo, vazio, circunlóquios
Mutismo
Ecolalia
Palilalia
Avaliação: Nomear objetos
Nomear partes do corpo
Obedecer comandos...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Demencias
  • Demência
  • Demencia
  • demencia
  • demencia
  • demencias
  • Demências
  • Demência

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!