Degradação Ambiental na Bacia do Rio Joanes

Páginas: 37 (9234 palavras) Publicado: 24 de setembro de 2013
1. INTRODUÇÃO
A problemática ambiental tem adquirido importância crescente, a partir de 1972,
quando houve a primeira Conferência Mundial sobre Meio Ambiente. Passados 35 anos
constatamos uma crescente sensibilização diante dos problemas relativos ao Meio
Ambiente no mundo todo. Isso porque a primeira leitura que fazemos é a do ambiente,
inserido num contexto que inter - relaciona o conjuntode sistemas naturais e sociais em
que vivem os homens e outros organismos.
A degradação do meio ambiente urbano tem provocado debate em busca de uma
mudança de mentalidade, de novos valores, de uma ética, onde a natureza deixe de ser
vista apenas como um cenário. Nesse sentido, a complexidade da questão ambiental
exige uma discussão menos ortodoxa, que rompa a tradição segmentada ereducionista
de preservar o mundo, buscando a aplicação de métodos analíticos multi e
interdisciplinares relacionados à totalidade que perpassa por tal questão.
Quando a análise do trato com o meio ambiente recai nos ecossistemas urbanos,
podemos perceber o descaso com que as autoridades competentes tratam esse assunto.
Em cidades como Lauro de Freitas, privilegiada com grandes cenários naturais, aabordagem não é muito diferente. Vemos que, o planejamento urbano da cidade, seguiu
o planejamento clássico que, na maioria das vezes, concentra a atenção em variáveis
sócio-econômicas. As oportunidades ambientais quando são consideradas, aparecem
como uma “maquiagem acessória” para atender às cobranças institucionais ou dar uma
satisfação imaginária à sociedade.
É necessário adotar o quantoantes uma nova concepção de planejamento urbano,
onde os condicionantes ambientais do território sejam não somente incorporados dentro
do processo de planejamento, mas, principalmente, norteadores e anteriores às tomadas
de decisões.
Por outro lado, faz-se necessário que a compreensão do fenômeno ambiental
transcenda as abordagens mais simplistas que o colocam como a tradução imediata doverde e dos animais.
Quando aqui se fala em meio ambiente, se refere ao sentido mais amplo da
expressão, considerando as inter-relações de todas as formas organizadas de energia,
bem como os aspectos culturais e transcendentais de seus modelos mais sofisticados,
incluindo aí o homem e a sua sociedade. Por tanto, o presente estudo visa discutir até
que ponto a falta de planejamento urbano e aausência de um Plano Diretor, podem ter
7

contribuído para a degradação ambiental no estuário do rio Joanes, na área que
compreende a bacia do rio de mesmo nome e seu principal afluente, o rio Ipitanga na
cidade de Lauro de Freitas, no período entre 1988 até os dias atuais.

1.1. Justificativa

O ambiente urbano é um ambiente radicalmente alterado pela ação humana e no
qual se concentram osefeitos do modelo industrial-urbano que predominou como forma
de organização socioeconômica das sociedades ocidentais a partir da revolução
industrial. Corrigir esses efeitos não é tarefa para uma só geração, embora mitigá-los
seja desejável e inadiável. A ausência de um Plano Diretor de Desenvolvimento Urbano
– PDDU, para a cidade de Lauro de Freitas, chama atenção por ser este um municípiocom mais de 20 mil habitantes e, portanto, obrigado a promover a elaboração de tal
instrumento básico da política urbana.
.A degradação da Bacia Hidrográfica do rio Joanes, um dos principais pontos de
captação de água potável para o município e toda a região metropolitana de Salvador
(Empresa Baiana de Águas e Saneamento – EMBASA), torna imprescindível a adoção
de medidas que visem sanar,minimizar, ou na pior das hipóteses mitigarem os efeitos
causados por anos de descaso por parte do poder público local. Nesse sentido, o presente
estudo pretende traçar um panorama da ocupação antrópica, os impactos ambientais
associados a ela, considerando o planejamento urbano da cidade. Deste modo, o
presente trabalho é justificado pela importância que a preservação da referida localidade...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • DEGRADAÇÃO DO MEIO FÍSICO E IMPACTOS AMBIENTAIS NA BACIA HIDROGRÁFICA DO RIO JACARECICA
  • Degradação ambiental no rio paramopama
  • MONITORAMENTO AMBIENTAL DA BACIA DO RIO GRAMAME
  • Mobilização e educação ambiental na bacia do rio paraiba do sul
  • Degradação Ambiental
  • IMPACTOS AMBIENTAIS E PERCEPÇÃO AMBIENTAL DAS POPULAÇÕES RIBEIRINHAS NA BACIA DO RIO DO SONO
  • Riscos ambientais na cabeceira da bacia do rio sarapuí (zona oeste do rio de janeiro)
  • Degradação ambiental

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!