Deficiencia Inclusiva

Páginas: 5 (1116 palavras) Publicado: 8 de maio de 2015
SISTEMA DE ENSINO PRESENCIAL CONECTADO
EDUCAÇÃO FÍSICA- LICENCIATURA
CRISTIAN BARRETO

EDUCAÇÃO INCLUSIVA

Araranguá-SC
2015

CRISTIAN BARRETO

EDUCAÇÃO INCLUSIVA

Trabalho apresentado ao Curso Educação Física da
UNOPAR - Universidade Norte do Paraná, para a
disciplina Educação Inclusiva.
Prof. Larissa Alves de Barros Soares

Araranguá
2015

Introdução

A inclusão de alunos com deficiência narede regular de ensino, o trabalho abaixo
visa esclarecer algumas dúvidas sobre a inclusão desses alunos portadores de
deficiência, sobre os direitos e deveres da sociedade regular de ensino. Também
sobre a qualificação de profissionais e ambientes escolares.

Resumo

No artigo apresentado vimos aspectos históricos em relação aos portadores de
deficiência ao meio escolar, ainda na década de 70 a80, a escolarização não era
vista como uma forma de aprendizagem em grupos/turmas, e sim individual, não
colocando junto aos “normais” os alunos com algum grau de deficiência. Era feito
um ato exclusivo junto a sociedade escolar regular, já na década de 90 foi
concretizado que sim os alunos com deficiência podiam frequentar turmas em
escolas regulares.
Como lembra Fernandes (1999) os médicos foramos primeiros que despertaram
para a necessidade de escolarização sob esse enfoque, a deficiência era
entendida como uma doença crônica, e todo o atendimento prestado a essa
clientela, mesmo quando envolvia a área educacional era considerado pelo viés
terapêutico.
Órgãos e entidades como Associação de Assistência à Criança Deficiente AACD e
a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais APAE ́s,voltadas a mostras que
os portadores de deficiência auditiva ou não tem o direito ao ensino inclusivo, junto
a demais população vista “normal”. Como já previsto na Constituição Federal de
1988 no artigo 208 / lei 7.853/89, onde diz a educação como um direito de todos,
garantindo o pleno desenvolvimento da pessoa, o exercício da cidadania e a
qualificação para o trabalho. No artigo 206, inciso I,estabelece a “igualdade de
condições de acesso e permanência na escola” como um dos princípios para o
ensino e garante, como dever do Estado, a oferta do atendimento educacional
especializado, preferencialmente na rede regular de ensino (art. 208).
Como citado anteriormente na década de 90 foi dado o ponta pé crucial para a
inclusão escolar, levando assim os alunos com deficiência as salas de aulasregulares, veio junto a batalha para a qualificação de profissionais para saber
como lidar com os tipos de deficiências podendo incluir eles aos demais
educandos.
O aluno com deficiência, junto a sua integração a rede escolar normal, deverá ter
acompanhamento paralelo ao ensino regular, os profissionais que trabalharão com
esses alunos deverão estar qualificados em uma política sócio pedagogia. Compreensão

Levando em conta o texto estudado, compreendo que as pessoas nasciadas com
algum tipo de deficiência já eram tratados como inválidos incapazes de aprender.
Limitando-os, a pequenos conhecimentos. Já entre as décadas de 70,80 e 90, foi
visto por alguns estudiosos que eles são tão capazes quanto as ditas “normais”,
dando assim início ao uma batalha para que os deficientes possam tambémfrequentar escolas regulares, misturando-se com os demais alunos, gerando
assim uma integração entre os com e sem deficiência.
Visando que a educação é direito de todos independente de sua condição física
ou mental, a rede e ensino regular tem que se adequar tanto em profissionais
especializados, para melhor receber esses alunos, quanto a estrutura do espaço
físico, gerando assim uma melhorcompreensão e locomoção desses alunos.

Reflexão

A escola vem não somente com a função de alfabetizar, vem também com a
função de transpassar aos educandos sobre a função social a ela estabelecida.
Sim é obrigação da escola conscientizar seus alunos das diversidades como: raça,
deficiências, religião entre outras, mais a escola não trabalha sozinha, deque
adianta repassar o que está no papel e não...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • DEFICIÊNCIA INTELECTUAL NA EDUCAÇÃO INCLUSIVA
  • Da linguagem da deficiência às escolas inclusivas.
  • O conceito de deficiência e a educação inclusiva
  • Educação inclusiva: deficiencia intelectual
  • MODELOS DE DEFICIÊNCIA E SUAS IMPLICAÇÕES NA EDUCAÇÃO INCLUSIVA
  • ATIVIDADES FÍSICAS INCLUSIVAS PARA PESSOAS COM DEFICIÊNCIA
  • Resenha: da linguagem da deficiência ás escolas inclusivas
  • A educação inclusiva e o aluno com deficiência visual

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!