De Mito e Sociedade na Grécia Antiga

Páginas: 19 (4586 palavras) Publicado: 23 de outubro de 2013
UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO ESCOLA DE
FILOSOFIA, LETRAS ECIÊNCIAS HUMANAS - GUARULHOS

TEORIA DA HISTÓRIA II

De
Mito e Sociedade na Grécia Antiga
(Jean-Pierre Vernant)

Unidade Curricular ministrada pela Prof. Dr.:
Janes Jorge
Discente:
André Mendes da Silva – noturno

Guarulhos
Novembro/2011

“Mito e Sociedade na Grécia Antiga”, de Jean-Pierre Vernant, 1992.
Primeiraedição:1988, França; 3ª ed.:2006.
Tradução de Myriam Campello
Justificativa
A escolha por esta obra me é de interesse pessoal e acadêmico devido à temática
de que trata, analisando-a de forma que (não dificilmente) a metodologia empregada
nela pode ser também utilizada em outros estudos sem grandes dificuldades, como, por
exemplo, na tentativa de compreender, de forma análoga ao queVernant/Gernet fazem
ao analisarem a antiguidade da/na China, outras civilizações e/ou religiões, como o
cristianismo e/ou o islamismo.

Jean-PierreVernant (1914 – 2007), nascido em uma família de intelectuais, tem
uma experiência de vida que com muito lhe contribuiu para a escolha de seu objeto de
estudo. Participou ativamente na/da Segunda Guerra Mundial, na Resistência francesa
ao nazismo, eclosãodas idéias socialistas, por exemplo - com o codinome de Coronel
Berthier coordenou as operações das Forces Françaises de l’Intérieur na região de
Haute-Garonne e comandou a libertação de Toulouse em agosto de 1944. Momentos
históricos estes que influenciaram no seu intelecto e de outros intelectuais, como, por
exemplo, o historiador medievalista Marc Bloch (co-fundador dos Annales) que lutarana Grande Guerra (1914-18) e na Segunda Guerra Mundial (1939 – 1945), durante a
qual foi fuzilado pelos nazista em 1944.
A partir da Segunda Guerra Mundial o paradigma historiográfico economicista,
determinista e estruturalista, começou a ser posto em cheque pelos novos historiadores.
E Vernant estaria depois em outra batalha, na qual as armas eram agora canetas, ideias e
egos, assim tambémcomo em disputas políticas dentro das academias nas quais a
própria definição científica da disciplina História, cuja origem remonta ao positivismo
oitocentista, ainda estava em questão.
Muito do que compõe Mito e Sociedade na Grécia Antiga, (de 1988, edição
francesa, 1992, edição do Brasil) foi escrito durante a década de 1950-60, como, por
exemplo, quando compara em alguns momentos duasformas mitológicas, religiosas em
sociedades determinadas, China e Grécia antigas, faz uso não somente de seu
pensamento mas também do de Jacques Gernet. Neste caso as exposições paralelas
foram apresentadas pelos dois autores em novembro de 1963 e publicadas em 1964 no
Bulletin de l’ Associatino Guillaume Budé (Vernant, 1992. Pag. 71).
Em 1935, fez sua primeira viagem à Grécia. Deixou registrode suas impressões

em “O Homem Grego”, onde diz que ficou bastante impressionado com Selene (a Lua)
quando viajava de ilha em ilha, à noite, olhando o céu fazendo uma experiência, da qual
esperava compreender melhor a perspectiva sobre o passado “com os olhos de um grego”
(VERNANT, 1993, p. 9).
Foi aprovado no exame de agrégation em Filosofia em 1937 e passou a lecionar
essa disciplinaem uma escola de Toulouse, em 1940. Foi secretário de redação do
Journal de Psychologie, onde se interessou pela Psicologia Histórica – em especial a de
Ignace Meyerson, que Vernant conheceu em 1940.
Entrou no Centre National de la Recherche Scientifique (CNRS, "Centro
Nacional de Pesquisa Científica") em 1948 e, sob a influência de Louis Gernet,
regressou aos estudos da antropologia da GréciaAntiga. Dez anos depois tornou-se
diretor de estudos na École des Hautes Études en Sciences Socieles (EHESS, "Escola
para Estudos Avançados em Ciências Sociais"), tempo este que pesquisou sozinho,
fazendo todas as leituras possíveis em grego para tornar-se um helenista. Ele escreveu
frequentemente em ambos sobre as semelhanças e as diferenças entre a Grécia Antiga e
a moderna Sociedade...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Mito e religião na grécia antiga
  • Economia e sociedade na Grécia antiga
  • Sociedade da Grecia Antiga
  • Os mitos da justiça na Grécia e Roma Antigas
  • FICHAMENTO
  • Relação de trabalho e sociedade na Grécia antiga
  • HOMOEROTISMO NA GRÉCIA ANTIGA – HOMOSSEXUALIDADE E BISEXUALIDADE, MITOS E VERDADES.
  • a filosofia na grecia antiga e suas contribuiçao para a vida em sociedade

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!