Da monarquia a república

Páginas: 7 (1562 palavras) Publicado: 4 de março de 2015





DA MONARQUIA À REPÚBLICA



Capítulo 5

COLÔNIAS DE PARCERIA NA LAVOURA DE CAFÉ: PRIMEIRAS EXPERIÊNCIAS 1





NOMES:







Aborda sobre as questões do sistema de parcerias que ocorreu por volta do século XIX, no qual objetivava a substituição da mão-de-obra escrava nas lavouras de café pela imigração, isto é, pela colonização estrangeiralivre, dessa forma, acabariam pondo fim as restrições à permanência de pessoas de fora, objetivando assim a povoação dessas colônias, sendo também que os mesmos algumas vezes não saiam como estes esperavam, pois por diversas vezes encontraram resistências a essas idéias, a autora diz que “[...] não se pode deixar de mencionar as resistências encontradas nos países europeus, sobretudo nórdicos, àidéia de imigração para o Brasil” , dessa forma, pode-se observar que não foi uma tarefa fácil. No entanto, os Estados Unidos parecia ser o mais adequado as imigrações por uma série de fatores, enquanto “o Brasil não oferecia condições chamativas aos emigrantes, mas que também não foi algo que se tornou impossível. Outro fator importante é a questão da política das terras no Brasil, tido como outroproblema da colonização e, cada vez mais que se expandiam as plantações de café, mais se tornava difícil resolver os problemas dos braços para as plantações onde, por sua vez, houve o desejo de substituir a mão-de-obra escrava pela livre já que havia ameaças acerca da questão escrava, da proibição do tráfico negreiro, mas como as lavouras careciam muito mais do que a participação dos imigrantes,sendo muito mais viável a mão-de-obra escrava, optou-se pelo sistema de parcerias, atraindo então imigrantes portugueses para as fazendas de café, passando dessa forma a integrar o trabalho livre ao escravo.



Tese da colonização
A mão de obra escrava era um mal investimento, segundo alguns políticos, por se de curta duração a vida do escravizado, como também estagnava o progresso do país. Acolonização do Brasil por europeus tinha como objetivo inicial ocupar os vazios demográficos do território.
A tese da colonização dividia os grupos nas províncias e no governo imperial em duas facções: os que eram contra e os que eram a favor da colonização. Os contrários afirmavam que o aumento da população, sendo maior que os meios de subsistência, trariam miséria, e que a imigração deveria serespontânea e sem intervenção do Estado.
Os relatórios dos já existentes núcleos de colônia no Brasil eram consideradas como “obra condenada”, a formula usada por Dom João VI, tinha como finalidade servir a uma política de preenchimento demográfico.
Mas, a necessidade dos fazendeiros de café era a de resolver o problema da mão de obra para as lavouras, e ideou-se, como resolução, um sistema deparcerias, cujo homem pioneiro foi o Senador Vergueiro. Seu projeto político foi apresentar uma emenda ao Orçamento, autorizando o governo a financiar os fazendeiros interessados, a importar, da Europa, famílias para ocupar terras novas, de cafezais novos (ou já velhos) como colonos e, assim, trabalharem sobre elas.
Os povos suíços, Belgas, alemães e portugueses foram para quem os fazendeiros sevoltaram. Gradualmente o número de colonos crescia no Brasil, conforme o Estado ia financiando toda a empreitada. O problema com a falta de braços para o campo ficava cada vez mais grave, à medida que se expandia as plantações de café e, também, por culpa da proibição do tráfico de africanos ao país, 1850.
O SISTEMA DE PARCERIA, os colonos europeus tinham a sua viagem paga desde o destino, os portosbrasileiros, até as fazendas de café, no interior das províncias. Essas despesas entravam como adiantamento feito ao imigrante pelo proprietário da terra, adiantado, inclusive, aquilo que era necessário a sua manutenção. O colono pagaria tudo isso com juros após um determinado período, até que ele conseguisse se sustentar pelo próprio trabalho.


Assim sendo, “a própria Administração...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Monarquia e República
  • Monarquia e republica
  • Da monarquia a republica
  • da monarquia à república
  • Monarquia E Republica
  • O que é Monarquia e Republica.
  • monarquia,monarquia absolutiva e república democrática?
  • Relatório da monarquia a republica

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!