Crianças abandonadas

Páginas: 7 (1650 palavras) Publicado: 27 de abril de 2013
Introdução:
No Brasil quase não há literatura sobre as crianças abandonadas. Embora o abandono de crianças aconteça desde o século XVIII, pois muitas mães e famílias não tendo condições de criar seus filhos acabavam os abandonando nas ruas. A miséria sempre foi o principal fator para tal ato.
Além desse, existiam outros fatores que levavam uma mãe a abandonar seus filhos , entre eles o fato dea mulher engravidar quando ainda era solteira. Naquela época a sociedade brasileira não aceitava que mulheres solteiras tivessem e criassem seus filhos, pois era uma sociedade na qual os valores morais e éticos acabavam prevalecendo, por conta disso as mães solteiras eram alvo de discriminação e preconceito.
A dura realidade desse tema nos leva a rever vários conceitos, tanto políticos, comosociais. Sabemos que esse problema do abandono das nossas crianças, tem crescido de uma maneira assustadora, observando estatísticas em todo território brasileiro.
Ainda hoje a sociedade sofre as conseqüências dessas heranças. Muitas mães solteiras em pleno XXI sofrem discriminação ou vivem na miséria, totalmente sem condições econômicas para criar seus filhos.

Chegamos à conclusão que o aumentoda população ainda ocorre de maneira não planejada e despreparada para enfrentar os desafios e obstáculos que a vida proporciona a cada família.
Desenvolvimento:
Com a implantação das industrias as famílias se deslocavam do campo para as cidades. A população crescia, os pais tinham que passar a maior parte do tempo trabalhando, deixando assim os filhos à mercê, ou seja sozinhos em casae com certeza também nas ruas.
Além de ficarem sós nas ruas, ainda exerciam atividades para complementarem a renda da família. Fato que ainda hoje é comum. É comum ver crianças nos sinais vendendo balas, doces, ou algo semelhante. Em algumas regiões as crianças vão às ruas tamparem buracos em troca de moedas. Outras simplesmente pedem dinheiro a motoristas e transeuntes. Há ainda casosmais graves como as que são usadas para prostituição.
A idéia de sujeito é um legado da filosofia moderna. Trata-se de uma das noções fundadoras do humanismo e de alguns dos principais valores do mundo ocidental. Embora encontremos referências às faculdades e disposições da subjetividade (razão, paixões, vontades, desejos).
O sujeito nasce, portanto, cindido em duas naturezas, divididoem matéria e espírito, deflacionado em suas sensações, enaltecido em sua razão. A tessitura ontológica que caracteriza sua natureza, delimita assim as características antropológicas desse novo indivíduo, agora alçado à condição de sujeito de direitos.Os direitos humanos, como vimos, estão alicerçados na ideia de dignidade. A questão sobre o que é a dignidade humana, suscita, sem dúvida, umaenormidade de problemas desafiadores. É comum designá-la como aquilo que define a essência da pessoa humana, ou o atributo que confere humanidade ao sujeito. Portanto, refere-se a uma qualidade intrinsecamente os indivíduos muitas vezes se definem moralmente em função do modo como enfrentam ou fogem das situações emocionais. Assim, não é difícil entender porque as emoções - ou a ausência delas -condicionam nosso modo de ser. As emoções induzem, ao mesmo tempo em que traduzem, a maneira como agimos e reagimos no mundo onde vivemos, na medida em que nos fazem responder a um desafio, resolver um problema ou eliminá-lo da esfera da nossa existência. Inicialmente, pelo fato de que as atitudes não somente podem ser determinadas por motivações extrínsecas às sensações afetivas, como muitas das vezesambas estão em conflito. Mas concluindo, Os afetos explicam, evidentemente, algumas atitudes morais, mas estão longe de justificar todas.
Os direitos fundamentais da criança segundo ECA-Estatuto da criança e do adolescente;
O artigo5º da lei nº 8069, de 1990, denominada “ Estatuto da criança e do Adolescente” e cognominada com carinho Eca, logo em suas disposições preliminares, afirma: “ Nenhuma...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Crianças abandonadas
  • Criança abandonada
  • Crianças abandonadas
  • Crianças abandonadas
  • crianças abandonadas
  • Crianças abandonadas
  • CRIANÇAS ABANDONADAS
  • Crianças abandonadas

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!