CONTABILIDADE EMPRESARIAL E ROTINAS TRABALHISTAS

Páginas: 8 (1956 palavras) Publicado: 23 de outubro de 2014
SISTEMA DE ENSINO PRESENCIAL CONECTADO cincias contbeis PRODUO TEXTUAL INTERDISCIPLINAR em grupo Contabilidade Empresarial e Rotinas Trabalhistas 2 Semestre 2013 PRODUO TEXTUAL INTERDISCIPLINAR em grupo Contabilidade Empresarial e Rotinas Trabalhistas 2 Semestre Trabalho apresentado ao Curso de Cincias Contbeis da UNOPAR - Universidade Norte do Paran, Produo Textual em Grupo. OrientadorEquipe de Professores do 2 Semestre. 2013 SUMRIO INTRODUO 03 1- CLCULO DAS CONTRIBUIES EM ATRASO 05 1.1 MEMRIAS DO CLCULO 05 2- CONTABILIZAES DO CAPITAL SOCIAL 06 2.1 LANAMENTOS CONTBIL 06 3- CONTABILIZAES DO PAGAMENTO DA GUIA DE INSS 07 3.1 LANAMENTOS CONTBEIS 07 3.2 RAZONETES 07 3.3 BALANCETES DE VERIFICAO 08 4- ORIENTAES AOS PROPRIETRIOS DA EMPRESA 09 4.1 COMO REQUERER A APOSENTADORIA 09 5-ANLISES DA LEI COMPLEMENTAR 123 11 CONCLUSO 13 REFERNCIAS 14 INTRODUO certo que quando pessoas fsicas se juntam entre si com o intuito de constituir uma empresa, o primeiro passo a ser dado e a assinatura do contrato social, que aps devidamente registrado na Junta Comercial, passa a ser o documento que comprova a existncia da empresa da em diante inicia-se sua personalidade jurdica conforme sedepreendem da leitura do art. 45 do Cdigo Civil. Esse registro torna pblica a formao da nova pessoa jurdica. Enquanto no houver esse registro, a pessoa jurdica estar em situao irregular, aps seu registro a empresa comea a existir no mundo jurdico, com isso comeam os cadastros nos rgos competentes como no Cadastro Nacional de Pessoa Jurdica (CNPJ), Cadastro no Estado caso a empresa tenha a atividadede comrcio, e tambm o cadastro no municpio. Aps todos esses fatos e acontecimentos, temos uma empresa devidamente habilitada podendo exercer suas atividades, sempre em conformidade com seus ramos de atividade, o que j est expresso no Contrato Social. E importante lembrar que qualquer mudana que a empresa venha a sofrer, seja endereo, razo social, mudana de scios, deve-se registrar uma alterao noContrato Social, para que este expresse a situao atual da empresa. A extino da personalidade jurdica da sociedade empresria termina aps um procedimento dissolutivo o distrato social, que tambm deve ser protocolado na Junta Comercial, prosseguindo com a liquidao, a fim de regularizar qualquer pendncia negocial que ainda haja, e por ltimo, h a partilha de eventual acervo patrimonial remanescente entreos scios. E importante lembrar que para nosso ordenamento jurdico, as sociedades empresrias tm sempre personalidade jurdica prpria, isto , so sempre consideradas pessoas distintas dos seus scios. E a responsabilidade de cada scio est limitada ao valor de suas quotas de participao no capital social. A empresa possui uma srie de obrigaes, quando esta em efetiva atividade, suas obrigaes so nosentido fiscal, pagando os impostos referentes ao faturamento, aquisio de mercadorias, e as obrigaes sociais, referente ao pagamento dos funcionrios as contribuies para o Fundo de Garantia, INSS, e demais contribuies. Falando em obrigaes scias, os scios bem como seus funcionrios, recolhem o INSS, por meio de suas retiradas de Pr-Labore, esses pagamentos contam como tempo de servio para requerer aaposentadoria, os empresrios que preencherem os requisitos exigidos pela Previdncia Social para requerer a aposentadoria, como tempo de servio e tempo de contribuio possa requer-la juntamente ao INSS. O pedido de aposentadoria ou mesmo seu deferimento no impede o empresrio de permanecer em servio da empresa. Ou seja, a aposentadoria no e um limitador de trabalho a pessoa mesmo aposentada pode continuartrabalhando. No tocante aos atos e fatos que ocorrem na empresa e importante ressaltar a importncia da escriturao dos registros no livro Dirio, os pagamentos de impostos, as compras de mercadorias para revenda, as vendas, os saldos bancrios, contas pagas, contam a receber, todos esses fatos afetam o patrimnio de uma empresa. 1- CALCULO DA CONTRIBUIO EM ATRASO Salrio base R 3.416,24 como so dois...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • CONTABILIDADE EMPRESARIAL E ROTINAS TRABALHISTAS
  • Contabilidade Empresarial e Rotinas Trabalhistas
  • contabilidade empresarial e rotinas trabalhista
  • Contabilidade Empresarial E Rotinas Trabalhistas
  • Contabilidade Empresarial e Rotinas Trabalhistas
  • CONTABILIDADE EMPRESARIAL E ROTINAS TRABALHISTA
  • Contabilidade empresarial e rotinas trabalhistas
  • contabilidade empresarial e rotinas trabalhistas

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!