CONTABILIDADE COMERCIAL

Páginas: 21 (5120 palavras) Publicado: 5 de novembro de 2013
Sumário



1 Introdução 6
2 Definições conceituais dos Princípios da Contabilidade 7
2.1 entidade; 7
2.2 Continuidade; 7
2.3 Competência 8
3 Regime de Apuração 9
3.1 caixa 9
3.2 Competência 9
4 Método de avaliação de estoque (conceitos) 11
4.1 PEPS 11
4.2 UEPS 11
4.3 custo médio ponderado 12
5 operações com mercadorias e impostos 13
5.1 reconhecimento da receita; 13
5.1.1Identificação do contrato com o cliente 13
5.1.2 Identificação das performance obligations 13
5.1.3 Determinação do preço da transação 14
5.1.4 Alocação do preço da transação às performance obligations 14
5.1.5 Reconhecimento da receita quando a performance obligation é satisfeita 14
5.2 deduções da receita 15
5.3 imposto e contribuições na compra e na venda (icms, pis, cofins) 15
5.3.1 ICMS 155.3.2 PIS 16
5.3.3 COFINS 17
6 OPERAÇÕES FINANCEIRAS 19
6.1 aPLICAÇÃO FINANCEIRA 19
6.2 JUROS COMPOSTOS 19
7 DEMONSTRAÇÕES CONTÁBEIS 21
7.1 BALANÇO PATRIMONIAL 21
7.2 dre-DEMONSTRAÇÃO DO RESULTADO DO EXERCÍCIO 22
8 LEGISLAÇÃO PROFISSIONAL 24
8.1 FUNÇÕES DO CRC – CONSELHO REGIONAL DE CONTABILIDADE 24
9 Conclusão 25
10 referências 26





1 INTRODUÇÃO

......

2 DEFINIÇÕESCONCEITUAIS DOS PRINCÍPIOS DA CONTABILIDADE

Os Princípios da Contabilidade são um conjunto de normas, regras e conceitos que norteiam a ciência contábil. Tais princípios foram obtidos por meio de consenso entre a classe contábil e os demais usuários da informação contábil.
Várias das regras atuais foram aceitas pela comunidade contábil porque os profissionais de contabilidade da época já aspraticavam. Essas regras foram sendo experimentadas, testadas e daí surgiram procedimentos adequados aos registros, às análises e aos cálculos dos fatos contábeis.
2.1 ENTIDADE;
O Princípio da Entidade reconhece o Patrimônio como objeto da Contabilidade e afirma a autonomia patrimonial, a necessidade da diferenciação de um Patrimônio particular no universo dos patrimônios existentes,independentemente de pertencer a uma pessoa ou um conjunto de pessoas, uma sociedade ou instituição de qualquer natureza ou finalidade, com ou sem fins lucrativos. Por consequência, nesta acepção, o Patrimônio não se confunde com aqueles dos seus sócios ou proprietários, no caso de sociedade ou instituição.
Na prática, este é um dos princípios mais desrespeitados pelos empresários, em especial nas micro epequenas empresas, o que exige do contabilista que presta serviços a estes tipos de entidades uma atenção redobrada.

2.2 CONTINUIDADE;
Para a contabilidade, a Entidade é um organismo vivo que irá operar por um longo período de tempo, até que surjam fortes evidências em contrário. Quando se constitui uma empresa, espera-se que ela tenha vida infinita. Tal admissão permite registrar os fatoscontábeis, as transações contábeis a valores de entrada, ou seja, o preço registrado no momento da transação, e não a valores de saída, o que seria uma espécie de liquidação da empresa.
A CONTINUIDADE ou não Entidade, bem como sua vida definida ou provável, devem ser consideradas quando da classificação e avaliação das mutações patrimoniais, quantitativas e qualitativas influenciando o valoreconômico dos ativos e, em muitos casos, o valor ou o vencimento dos passivos, especialmente quando a extinção da Entidade tem prazo determinado, previsto ou previsível. Seguindo os preceitos da Continuidade, a entidade é vista como um empreendimento em constante andamento, não havendo, salvo raras exceções, previsão para o encerramento de suas atividades.

2.3 COMPETÊNCIA
O Princípio da Competênciadetermina quando as alterações no ativo ou no passivo resultam em aumento ou diminuição no patrimônio líquido, estabelecendo diretrizes para classificação das mutações patrimoniais.
Na maioria das vezes, este é o primeiro princípio aprendido pelos acadêmicos de Ciências Contábeis, até mesmo por ser um dos mais complexos para os olhares leigos.O Princípio da Competência trata do reconhecimento...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • CONTABILIDADE COMÉRCIAL
  • Contabilidade Comercial
  • Contabilidade comercial
  • CONTABILIDADE COMERCIAL
  • Contabilidade comercial
  • Contabilidade comercial
  • Contabilidade comercial
  • Contabilidade Comercial

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!