Consumismo

Páginas: 7 (1644 palavras) Publicado: 10 de novembro de 2014








TRABALHO DE TÓPICOS AVANÇADOS HISTÓRIA II







Nome: Sineady Cordeiro Yope
Prontuário: 09108507
Curso: História – 7º semestre
Professor: Luiz Carlos Seixas

Osasco - 2012
O que houve no século XX foi uma profunda transformação de toda uma era da história mundial, ou seja, a sociedade e a forma como o ser humano a enxerga e enxerga a si mesmo mudaramconsideravelmente. Essa transformação tem início na Revolução Industrial, onde as formas de
Consumir é uma atividade que realizamos todos os dias, de forma rotineira e em sua maioria sem planejamento antecipado, obtemos desejo por determinada mercadoria e a compramos para nos satisfazermos interiormente. De acordo com Marx, “a primeira vista, uma mercadoria parece ser uma coisa trivial, de compreensãoimediata.” Mas, ao analisarmos, esta demonstra que é um “objeto” cheio de engenhosidades. O consumismo tornou-se um ato central na vida das pessoas, como afirma Colin Campbell, “o verdadeiro propósito da existência”, e quando desejamos e/ou ansiamos por adquirir algo, passamos a alimentar a economia na qual vivemos.
O consumismo aparece quando o consumo toma o papel principal na sociedade, daí surge asociedade de consumidores, anteriormente era a sociedade de produtores, onde este papel era exercido pelo trabalho. O consumo desenfreado tornou-se um tipo de modelo social devido à reciclagem de anseios humanos postas de forma permanente, transformando essas características na principal força propulsora e operativa da atual sociedade, essa força que coordena a reprodução sistêmica, a integração ea estratificação social, além de ser responsável de formar indivíduos, influenciando nos processos de auto-identificação e propagando políticas de vidas individuais.
Zygmunt Bauman afirma que, diferentemente do consumo, o consumismo é um “atributo da sociedade”. O ser humano necessita consumir para sobreviver ao sistema capitalista, mas a partir do momento que essa capacidade totalmenteindividual de querer e almejar se torna a principal força movedora do individuo, esta acaba por definir a forma específica de convívio humano, e ao mesmo tempo propõe “parâmetros específicos para as estratégias individuais de vida que são eficazes e manipula as probabilidades de escolha e conduta individuais”.
A sociedade de produtores identifica a fase “sólida” da modernidade, baseada na padronizaçãoe rotinização do comportamento individual, onde as pessoas foram orientadas para a segurança, ou seja, apropriação e posse de bens que garantam o conforto, respeito e estabilidade do sujeito. Seu principal propósito era a segurança a longo prazo, os bens adquiridos possuíam em si uma idéia de durabilidade. Criam consigo o que Marx chamou de “fetichismo da mercadoria”, ou seja, o hábito de ignorarou esconder a interação humana por trás da mercadoria.
Já a sociedade de consumidores representa a fase “líquida” da modernidade, contrária às praticas de planejamento, armazenamento e investimento em longo prazo. O que predomina atualmente é a “cultura agorista” e a “cultura apressada” e por conseqüência redefine o significado de tempo, termos denominados por Stephen Bertman, baseadas em umtempo que não é cíclico e nem linear, nesta sociedade de consumidores o que predomina é o tempo pontilhista. Aqui a sociedade compra e vende os símbolos empregados na construção de uma identidade, o “fetichismo da subjetividade”.
O tempo pontilhista é totalmente fragmentado, não há uma idéia de continuidade ou progresso, e é definido por infinitas seqüências de “instantes eternos”. Nas palavras deMaffesoli, hoje em dia “a vida, seja individual ou social, não passa de uma sucessão de presentes, uma coleção de instantes experimentados com intensidades variadas”. Ressalta assim, que tudo o que você quer alcançar na vida, você pode e deve alcançar agora, ou em um momento seguinte. Michael Lowy, ao fazer a reinterpretação de Walter Benjamin sobre a vida moderna, substituiu a idéia de “tempo...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • consumismo
  • Consumismo
  • Consumismo
  • COnsumismo
  • consumismo
  • Consumismo
  • Consumismo
  • Consumismo

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!