Construção Civil

Páginas: 8 (1893 palavras) Publicado: 23 de outubro de 2013
Reflexões sobre as características sociais do operário da Construção Civil.
Artigo Científico sobre o acesso à leitura no meio operário da Construção Civil.





A partir das entrevistas e do questionário aplicado, tivemos a oportunidade de constatar, na prática, e em escala menor (posto que apenas duas obras foram visitadas), muitas das informações e dos dados que são característicos doramo da construção civil, tais como a baixa escolarização e a desvalorização social dos profissionais da área.
A questão da escolaridade neste ramo de trabalho se apresenta de forma complexa, devido a motivos explicáveis pela própria natureza da profissão que, geralmente, requer esforço braçal, utilizando-se de forma bastante discreta e limitada o esforço intelectual.
Cerca de mais de 80% dosentrevistados nestas duas obras, não haviam sequer iniciado o Nível Médio. Este dado nos diz muito sobre a qualificação dos profissionais da área: são geralmente jovens de classe baixa, que tem de largar os estudos para contribuir financeiramente nas despesas de casa. Estes jovens são abraçados pela construção civil e pelas demais profissões afins, que não requerem níveis altos de escolaridade.Apesar de o ingresso formal ser possível apenas a partir da maioridade dos profissionais, a grande realidade é que parte considerável destes trabalhadores exerce sua profissão desde cedo, atuando em empregos informais como servente ou ajudante de pedreiros autônomos.
Há neste âmbito, uma alta rotatividade de mão de obra, os profissionais veem a profissão, não de forma fixa, e sim como uma atividadetemporária. Sendo assim, a grande maioria está trabalhador da construção civil, ao invés de ser trabalhador da construção civil. Esta pode ser vista como uma questão supérflua, mas na realidade é ela que pauta e que rege uma gama diversificada de peculiaridades do ramo.
Este ponto de vista tornou-se bastante nítido na obra de estrutura pré-moldada. Esta obra, possuía um grupo entre 15 à 20funcionários pertencentes a diferentes faixas etárias, desde jovens de 18 anos à homens de 50 anos de idade. O contraste entre o tempo de profissão também era bastante diverso, apresentando homens com 15 anos de profissão e novatos com apenas três meses de ingresso no setor. Neste último caso prevalecia a faixa etária entre 18 à 20 anos, mas também existiam indivíduos com idade superior aos 30 queacabaram de adentrar no ramo, e alguns de 19 e 20 que já estão nele a mais de 4 anos.
Neste canteiro, era unanime a visão do emprego na construção como algo temporário. Excluindo-se os de maior facha-etária, prevaleceu no grupo o desejo e a vontade de mudar de profissão:

“A gente vai ficando por aqui até aparecer coisa melhor, só é bom porque é emprego certo, carteira assinada, tudo direitinho. Masse aparecer coisa melhor, um serviço menos pesado, a gente sai. Isso aqui é por que é o jeito, é pra quem precisa trabalhar, quem precisa ganhar dinheiro e sustentar a família..” 1

Essa vontade de seguir em outras profissões é uma característica dos trabalhadores da construção civil em geral e não apenas da obra visitada. Ela decorre do comum sentimento de vergonha que muitos destestrabalhadores possuem a respeito de sua profissão. Essa vergonha decorre do preconceito pelo qual essa classe sofre: Chamados muitas vezes de “peões”, os trabalhadores da construção civil são taxados como “matutos e ignorantes” pelo fato de realizarem tarefas predominantemente braçais, que exigem muita força e pouco conhecimento, e pelo fato de grande parte deles ter um nível baixíssimo de estudos. Estavisão está fortemente impregnada da mentalidade geral, constituindo-se de forma histórica ao longo do tempo.
Há ainda um outro aspecto negativo, que infelizmente é bem comum neste ramo de profissão: A humilhação sofrida no relacionamento com superiores hierárquicos no local de trabalho.
Ainda reina a visão, não só no setor construtivo como em praticamente todos os demais setores profissionais, de...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Construção civil
  • Construção Civíl
  • Construção civil
  • Construçao Civil
  • Construção civil
  • Construção Civil
  • Construção civil
  • Construção civil

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!