Consciência

Páginas: 5 (1004 palavras) Publicado: 27 de novembro de 2013
O pensamento é a faculdade que temos de conhecer as coisas e nos relacionarmos intimamente com elas. É a faculdade por meio da qual nossa mente plasma forma conceitos e idéias mais ou menos particulares ou gerais, concretas ou abstratas, com mais ou menos claridade segundo seja a intensidade da impressão e da reflexão.
Dado que tudo no Universo é vibração, podemos dizer também que o pensamentoé vibração da mente, assim como o som é do ar, a luz do éter, com a eletricidade, o calor, etc. Estas vibrações mentais afetam o que conhecemos por consciência.
O estudo do pensamento leva naturalmente ao da consciência, que é causa direta ou indireta de todo pensamento.
Consciência (no latim conscientia) vem de conscire que significa "dar-se conta", "perceber", "fazer-se sábio", "adquirirconhecimento" de algo. É a faculdade central e primordial de nosso ser. É o fulcro interior e o centro de gravitação indistinto de todas as manifestações da nossa personalidade.
Base de todas nossas faculdades, nossa consciência é a luz interior que nos ilumina, "aquela luz que ilumina a todo homem que vem a este mundo". Refere-se a capacidade de percepção da realidade objetiva. Sem ela seríamossimplesmente autômatos inconscientes, incapazes de pensar, saber, julgar, querer, eleger e dirigir. Seu desenvolvimento, ou melhor dito, liberação e expressão, caracteriza no homem o desenvolvimento de suas mais elevadas possibilidades.
Daí chegamos a moralidade. Moralidade é consciência, é discernimento pessoal, é busca de uma meta de perfeição que só aos poucos vai se esclarecendo e encontrandoseus meios de realização entre as contradições e ambiguidades da vida.
Santo Tomás de Aquino já ensinava que o problema maior da existência moral não é conhecer a regra geral abstrata, mas fazer a ponte entre a unidade da regra e a variedade inesgotável das situações concretas, onde frequentemente somos espremidos entre deveres contraditórios ou nos vemos perdidos na distância entre intenções,meios e resultados.
Lutero insistia em que "esta vida não é a devoção, mas a luta pela conquista da devoção".
A grande literatura - a começar pela Bíblia - está repleta de exemplos de conflitos morais angustiantes, mostrando que o caminho do bem só é uma linha reta desde o ponto de vista divino, que tudo abrange num olhar simultâneo. Para nós, que vivemos no tempo e na História, tudo é hesitação,tentativa e erro. Só aos poucos, orientada pela graça divina, a luz da experiência vai dissipando a névoa das aparências.
Consciência - especialmente consciência moral - não é um objeto, uma coisa que você possua. É um esforço permanente de integração, a busca da unidade para além e por cima do caos imediato. É unificação do diverso, é resolução de contradições.
Os códigos de conduta consagradospela sociedade, transmitidos pela educação e pela cultura, não são jamais a solução do problema moral: são quadros de referência, muito amplos e genéricos, que podem tanto dar apoio à consciência no seu esforço de unificação da conduta individual, ou estimular a confusão, a deturpação, quando da análise de fatos do cotidiano. Para que esta confusão esteja presente, basta acionar a engrenagem dadissonância cognitiva, isto é, promover a desarmonia do conhecimento, que ocorre pelo ensino inverso dos preceitos que são preconizados na base. Os quadros de referência estão para a consciência de cada um como o desenho do edifício está para o trabalho do construtor: dizem por alto qual deve ser a forma final da obra, não como a construção deve ser empreendida em cada uma das suas etapas.
Quandoos códigos são vários, deturpados e contraditórios, é a própria forma final que se torna incongruente e irreconhecível, desgastando as almas em esforços vãos que as levarão a enroscar-se em problemas cada vez mais insolúveis e, em grande número de casos, a desistir de todo esforço moral sério. Muito do relativismo e da amoralidade reinantes não são propriamente crenças ou ideologias: são...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • consciencia
  • Consciência
  • O eu e a consciência
  • Consciência
  • A Consciência
  • consciencia
  • Consciencia
  • CONSCIÊNCIA

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!