Conceito de Liberdade para Sartre

Páginas: 6 (1349 palavras) Publicado: 18 de setembro de 2014
O Conceito de Liberdade do Filósofo Sartre.
Introdução
Esta pesquisa tem o principal objetivo de estudar o conceito sartreano de liberdade, segundo Sartre, que foi considerado o principal teórico do existencialismo francês. A filosofia existencialista de Sartre, presente em seus textos filosóficos e em seus romances e peças de teatro, exerceu profunda influência nas gerações da década de 40, 50e 60, a tal ponto que se transformou em ícone inspirador do contestador movimento estudantil da década de 60. O conhecido movimento artístico "Tropicalismo" ocorrido no Brasil, principalmente através da música, teve influência decisiva do existencialismo sartreano e suas ideias de engajamento político, liberdade etc.




A literatura sartreana teve grande destaque nos meios artísticosbrasileiros, a mesma intensidade de massificação não ocorreu com sua filosofia. Esta ficou mais conhecida pelos chavões espalhados aos quatro cantos do que pelo rigorismo da pesquisa, haja vista as principais obras de filosofia de Sartre, O Ser e o Nada e Crítica da Razão Dialética não são muito conhecidas no Brasil.
Dessa forma, até meados da década de 90, o estudo da filosofia de Sartre ficou maiscircunscrito à pós-graduação do que a graduação. Assim, se, nesse sentido, a filosofia de Sartre continua a exercer grande fascínio no jovem estudante de filosofia, tal fascínio é, infelizmente, satisfeito mais pelo "ouvi dizer", pelos chavões e comentadores da obra sartreana do que pelo rigoroso debruçar-se sobre os textos filosóficos de Sartre.
Pensar a problemática da liberdade implica emrefletir sobre a própria condição humana de um ser que vive em comunidade, pois transpassa a própria fundamentação do coletivo, uma vez que a coletividade implica em homens compartilhando do mesmo espaço, das mesmas crenças, de afazeres, e, talvez, dos mesmos objetivos de vida.
A liberdade está na medida em que viver no público significa conviver com o outro, ou seja, em toda a vida social ésubjacente à relação entre o EU e o OUTRO. É exatamente nesta relação EU-OUTRO, fundante e fundamental da vida social, que encontramos, inerente a esta relação, o problema da liberdade. Assim, nas relações interpessoais, podemos questionar quais os limites da minha liberdade sobre o outro e a do outro sobre a minha? Quais os valores subjacentes à ação livre são necessários para a convivência com o outro? Omodo de vida do outro impõe limites à minha liberdade, e até que ponto esta limitação constitui-se num Bem para mim? E, se ao afirmar livremente minha forma de viver, e em decorrência desfrutar de momentos felizes, esta forma acarretar um dano ao outro? Este dano é um Bem para mim, pois afirma a minha felicidade, mas é um Mal para o outro, pois lhe trás dores. Como, então, conviver com estasituação? Até que ponto ser livre para agir não implica no fazer do outro um meio para a minha liberdade? O sentimento de ódio, e suas decorrências como a vingança, a luta, o assassinato, não são inerentes ao relacionamento EU-OUTRO, na medida em que o OUTRO impõe limites à minha liberdade, a minha felicidade e ao meu prazer, e por isso, odiamos o OUTRO e desejamos exterminá-lo?
Pensar a questão daliberdade no horizonte dessas interrogações, significa refletir sobre a própria situação conflitiva entre os homens na sociedade. Em outras palavras, se vivemos num mundo permeado de violência, onde esposos e pais espancam suas mulheres e filhos, homens estupram mulheres e crianças, psicopatas fazem da morte a realização da vida, sádicos gozam ao fazer o outro sofrer, tais situações encontram-se nocerne do problema da liberdade, pois, até que ponto o homem é livre para atuar sobre o outro? Quais os limites morais e religiosos, à liberdade dos desejos humanos? Saindo do âmbito social, a problemática da liberdade circunscreve-se também no humano, ou seja, na interioridade e subjetividade do homem.
Na relação EU-OUTRO, o EU possui, em sua consciência, valores, desejos, objetivos de vida e...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • O conceito de liberdade segundo a teoria existencialista de sartre
  • Liberdade em Sartre
  • Sartre e a liberdade
  • Liberdade em Sartre
  • A liberdade em sartre
  • Liberdade de sartre
  • Liberdade Sartre
  • liberdade em sartre

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!