Comunicação interpessoal

Páginas: 15 (3649 palavras) Publicado: 22 de março de 2012
ECHEVERRIA, RAFAEL - “FRAGMENTOS DE : ONTOLOGIA DA LINGUAGEM” CAPÍTULO 5 : O ESCUTAR: O LADO OCULTO DA LINGUAGEM
Tradução : Suzana R. de Senna

A comunicação humana tem duas facetas : falar e escutar. Geralmente se pensa que é mais importante o falar, já que este parece ser o lado ativo da comunicação, enquanto que o escutar costuma ser considerado como passivo. Supõe-se que se alguém falasuficientemente bem (forte e claro), será bem escutado. A partir dessa interpretação, o escutar geralmente se dá por resolvido e raramente é examinado como um assunto problemático. No entanto, um novo sentido comum acerca da importância da escuta está emergindo. As pessoas estão começando a aceitar que escutam mal. Reconhecem que, freqüentemente, lhes é impossível escutar o que os outros dizem e quetêm dificuldades em fazer-se escutar da forma que desejariam. Esse fenômeno ocorre em todos os domínios de nossas vidas. Por exemplo, em nossas relações pessoais, o tema da escuta converteu-se numa preocupação importante. Freqüentemente escutamos a queixa : “ Meu cônjuge não me escuta.” Sem dúvida, a comunicação inefectiva é uma das principais causas de divórcio. Quando as pessoas falam de“incompatibilidade” com seu cônjuge, é o escutar, novamente, o que está no centro de suas preocupações. No campo dos negócios, o escutar efetivo chegou a adquirir a máxima prioridade. Peter Drucker, escreveu recentemente em um livro: “muitos (executivos) pensam que são maravilhosos com as pessoas porque falam bem. Não se dão conta de que ser maravilhosos com as pessoas significa escutar bem” 1 Tom Petersenfatiza que uma das principais razões do baixo rendimento do management norte-americano é devido ao fato de que o manager não escuta a seus empregados, nem a seus clientes, nem o que está acontecendo no mercado. Peters recomenda “obsedar-se com a escuta” 2 O problema, certamente, reside no como fazê-lo, no que consiste saber escutar. Sustentamos que, enquanto mantivermos nosso tradicional conceitode linguagem e comunicação, dificilmente poderemos captar o fenômeno da escuta. Mais ainda, não seremos capazes de desenvolver as competências necessárias para produzir uma escuta mais efetiva. O escutar como fator determinante da comunicação humana.

1 2

Peter Drucker (1990) Tom Peters (1987)

Se examinarmos detidamente a comunicação, nos daremos conta de que ela repousa, principalmente,no escutar e não no falar. O escutar é um fator fundamental da linguagem. Falamos para ser escutados. O falar efetivo só é alcançado quando é seguido de uma escuta efetiva. O escutar valida o falar. É o escutar, não o falar, o que confere sentido ao que dizemos. Portanto, o escutar é o que dirige todo o processo da comunicação. É surpreendente dar-se conta da pouca atenção que temos prestado aofenômeno da escuta. Se buscamos literatura sobre o assunto, descobriremos que é muito escassa. As poucas coisas que foram escritas são geralmente de qualidade duvidosa. Durante séculos demos a escuta como algo posto. Normalmente supomos que, para escutar outras pessoas, temos somente que nos expor ao que dizem ... devemos estar com elas, falar-lhes, fazer-lhes perguntas. Supomos que fazendo isso, oescutar simplesmente vai ocorrer. Não estamos dizendo que isso não seja importante ou necessário. O que dizemos é que não é suficiente. A falácia da transmissão de informação. A compreensão prevalecente em nossos dias é de que a comunicação está baseada na noção de transmissão de informação. Essa é uma noção herdada da engenharia da comunicação e desenvolvida por C.Shannon, entre outros. Se ocupada transmissão entre máquinas – isto é, entre um transmissor e um receptor (como acontece nos processos de transmissão radial). Esse marco, apesar de sua utilidade em questões técnicas de transmissão, demonstra sua deficiência quando utilizada na compreensão da comunicação humana. A noção de transmissão de informações esconde, precisamente, a natureza problemática do escutar humano. Isso...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Comunicacao interpessoal
  • Comunicação interpessoal
  • Comunicação Interpessoal
  • Comunicaçao interpessoal
  • Comunicação interpessoal
  • Comunicação Interpessoal
  • Comunicação Interpessoal
  • Comunicação Interpessoal

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!