Comunicação de Crise

Páginas: 11 (2663 palavras) Publicado: 29 de junho de 2014
 UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE
ESCOLA DE ENFERMAGEM DE NATAL
GRADUAÇÃO TECNOLÓGICA EM GESTÃO HOSPITALAR
DISCIPLINA DE COMUNICAÇÃO ORGANIZACIONAL

DOCENTE:
DISCENTES: ALEXA LEMOS DOS SANTOS PIMENTEL
ANDERSON BRENO BEZERRA DE LIMA
GRAZIELE DOMINGOS DA SILVAJUAREZ FRANCISCO DA SILVA
LAÍS MAYARA DA SILVA
NADINE REBOUÇAS DE FREITAS
SIDNEY DA SILVA MEDEIROS


COMUNICAÇÃO DE CRISE
RECALL








NATAL/RN
2014COMUNICAÇÃO DE CRISE
Antes de se falar sobre Comunicação de Crise, primeiramente devemos definir o que é a crise, no qual segundo ARGENTI 2066, “uma crise é uma catástrofe séria que pode ocorrer naturalmente ou como resultado de um erro humano, intervenção ou até mesmo intenção criminosa. Pode incluir devastação tangível, como a perda da credibilidade da organizaçãooutros danos de reputação. Estes últimos resultados podem ser consequência da resposta da gerência à devastação tangível ou resultado de erro humano.” E a partir da ideia de que Comunicação “é o processo de seres humanos respondendo ao comportamento simbólico de outras pessoas” (ADLER), transferimos esse conceito para as organizações. A comunicação organizacional é a versão complexa dacomunicação como um processo de seres humanos, pois está envolvida com estruturadas e diversificadas teias de relacionamento em torno dos processos de cada organização.
Com base nisso, pode-se considerar que a Comunicação de Crise é a comunicação das organizações para seus públicos, voltada para a divulgação e disseminação de informações e orientações, de como a comunicar desastres que afetam suasestruturas, que podem incluir destruição de vidas ou ativos, perda de credibilidade da organização ou outros danos de reputação. Trata-se de uma comunicação planejada que deve ser alinhada ao pensamento, aos negócios e aos objetivos do empreendimento, sendo que um dos impactos mais sérios se dá na reputação da empresa, ocasionando a perda de confiança dos seus funcionários, acionistas, consumidores eclientes.
A inclusão da Comunicação de Crise nas organizações é hoje uma exigência da economia globalizada. A importância estratégica da comunicação de crise pode ser atribuída à valorização que a opinião publica dá as questões comportamentais, à ética empresarial, ao respeito pelos valores sociais e à possibilidade da quantificação econômico-financeira das crises mal geridas. Os públicos internos eexternos esperam que as organizações tenham e divulguem a existência desses planos de comunicação, demonstrando a sua responsabilidade social.
Uma crise pode afetar ou destruir a reputação, a imagem, o clima organizacional, a confiança de seus clientes e a credibilidade de uma organização, pública ou privada, por vários anos. Pode também afetar seus resultados econômicos e financeiros, assim comotrazer prejuízos profissionais aos seus funcionários. Então, segundo ARGENTI, o primeiro passo para se pensar uma comunicação de crise é entender que qualquer empresa pode se ver mergulhada numa crise e que as crises são exclusivas mas algumas características comuns são compartilhadas.
GERENCIAMENTO DE CRISE
A princípio, a comunicação de crise visa proteger ativos intangíveis de uma organização,como por exemplo, sua imagem perante o público. Por isso, devem ser adotadas ações pelas empresas em relação a uma possível crise. Existem as ações preventivas, que visam estabelecer procedimentos diante uma crise, visto o caráter imprevisível da maioria delas. E as ações durante a crise, na qual é a efetivação do protocolo, sendo este protocolo fruto dos procedimentos da ação preventiva....
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Comunicação de Crises
  • Comunicação de Crise
  • Comunicação de crise
  • Manual de gereciamento de crise em comunicação
  • Relações Públicas e Comunicação de Crise
  • Comunicação interna em tempos de crise
  • comunicação de crise tap
  • resenha critica sobre comunicação em crise

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!