Comércio internacional

Páginas: 10 (2363 palavras) Publicado: 29 de setembro de 2012
Anhanguera Educacional

F A C U L D A D E


[pic]










Administração de empresas

Atividade Colaborativa (CHINA)

(Trabalho digitado)





Profº. Erlon Vinicius Torquato Junqueira

5º sem. (Gestão de Negócios Internacionais)













Taboão da Serra

Junho / 2012

FACULDADE ANHANGUERA- FTS



Hildeline SoniaDantas Cavalcante de Lima RA 1030939340

Jucelia Gonçalves de Oliveira Moreira RA 1041990194

Flávia G. G. P. da Silva RA 1054027131

Talita Silva Lima de Paula RA 1030929693

Myrian Rocha Abreu RA 1041961387







































FACULDADE ANHANGUERA- FTS



HildelineSonia Dantas Cavalcante de Lima RA 1030939340

Jucelia Gonçalves de Oliveira Moreira RA 1041990194

Flávia G. G. P. da Silva RA 1054027131

Talita Silva Lima de Paula RA 1030929693

Myrian Rocha Abreu RA 1041961387













Atividade colaborativa

Gestão de Negócios Internacionais











Taboão daSerra

Junho / 2012



FACULDADE ANHANGUERA- FTS



Hildeline Sonia Dantas Cavalcante de Lima RA 1030939340

Jucelia Gonçalves de Oliveira Moreira RA 1041990194

Flávia G. G. P. da Silva RA 1054027131

Talita Silva Lima de Paula RA 1030929693

Myrian Rocha Abreu RA 1041961387







Atividade colaborativaGestão de Negócios Internacionais





Trabalho composto para

Complementação da nota

Referente ao 2º Bimestre da

Respectiva disciplina

Com a orientação do

Profº. Erlon Vinicius Torquato Junqueira







Taboão da Serra

2012



RESUMO



Este trabalho tem como objetivo verificar a competitividade da soja brasileira em relação à China. Para isso, fez-se uso dosÍndices de Vantagens Comparativas Reveladas (IVCR) e do Índice de Orientação Regional (IOR). Os resultados mostram que o Brasil apresenta Vantagens Comparativas Reveladas no período analisado, as quais foram crescentes, à exceção de 1995, 1996, 1999 e 2003. As causas para estas quedas podem estar relacionadas à sobrevalorização cambial do período de 1995-1998 e com variações nas exportaçõesmundiais e brasileiras de soja. O resultado do IOR, para a China, indica que as exportações estão orientadas para o bloco, desde 1997, mas o índice não é crescente, visto que houve oscilações nas exportações desta commodity.




Palavras-chave: Comércio Internacional; Vantagens Comparativas Reveladas; Orientação Regional


















ABSTRACT




This study aims todetermine the competitiveness of Brazilian soybeans in relation to China. For this, use has been made of Contents Revealed Comparative Advantage (IVCR) and the Regional Orientation Index (IOR). The results show that Brazil's Revealed Comparative Advantages in the period analyzed, which were increased, except for 1995, 1996, 1999 and 2003. The causes for these declines may be related toovervaluation of the period of 1995-1998 and with variations in world exports of soybeans and Brazil. The result of the IOR, to China, indicates that exports are oriented to the block since 1997, but the rate is not increasing, because there have been fluctuations in the exports of this commodity.




Keywords: International Trade; Revealed Comparative Advantages, Regional GuidanceSUMÁRIO



Introdução.....................................................................................................................8

Teorias do comércio internacional..............................................................................10

Regulação do Comércio Internacional e impactos nos negócios...............................12

A Macroeconomia do Setor Externo: Uma...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Comercio internacional
  • Comércio internacional
  • comercio internacional
  • Comercio Internacional
  • Comércio Internacional
  • COMERCIO INTERNACIONAL
  • Comercio internacional
  • Comercio Internacional

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!