Cinematica do Trauma

Páginas: 18 (4473 palavras) Publicado: 5 de agosto de 2013
Cinemática do trauma
Mauricio Vidal de Carvalho
A avaliação de um paciente traumatizado inicia-se antes mesmo da visualização da
vítima, na fase pré-hospitalar do atendimento. Na avaliação da cena, a observação das
circunstâncias nas quais ocorreu o evento, como o tipo de colisão automobilística (frontal,
lateral, traseira), o grau de deformidade do veículo, a altura da queda, a velocidadedos
corpos, o tipo e calibre das armas, entre muitas outras, permite que se estabeleça uma
relação entre estes fatos e as possíveis lesões apresentadas pela vítima. Este estudo
denomina-se cinemática do trauma, biomecânica do trauma ou mecanismo do trauma.
A observação do local na cena do evento faz parte da história do trauma. Os danos
externos e internos constatados no veículo freqüentementerepresentam informações valiosas
que geram “pistas” para as lesões sofridas pelos seus ocupantes. Por exemplo, um volante
deformado sugere impacto sobre o tórax, uma “fratura” circular do pára-brisa indica o local de
impacto da cabeça e sugere uma possível lesão do crânio e/ou da coluna cervical. Uma
deformidade na parte mais baixa do painel sugere o impacto e uma possível luxação de
joelho,coxo-femural ou até uma fratura de fêmur. A intrusão da porta no compartimento dos
passageiros leva a suspeita de uma lesão tóraco-abdomino-pélvica e/ou no pescoço da
vítima.
A equipe que atende a um politraumatizado deve ter dois tipos de lesões em mente. O
primeiro tipo são aquelas facilmente identificáveis ao exame físico. Já o segundo tipo referese às lesões ditas potenciais, ou seja, nãosão óbvias ao exame mas podem estar presentes
pelo mecanismo de trauma sofrido pelo paciente. Dependendo do grau de suspeita destas
lesões, danos menos aparentes, incluindo algumas lesões graves, podem passar
desapercebidos.
Deste modo, ressalta-se a importância de se conhecer a história do acidente. No
trauma, assim como em qualquer outra doença, uma história clínica completa e precisa,desde que corretamente interpretada, pode levar à indicação ou suspeita de 90% das lesões
apresentadas pela vítima.
Para que um objeto em movimento perca velocidade, é necessário que sua energia de
movimento seja transmitida a outro objeto. No trauma, esta transferência de energia ocorre
quando os tecidos do corpo humano são violentamente deslocados para longe do local de
impacto, pelatransmissão de energia. O movimento de fuga dos tecidos a partir da região de
impacto causa uma lesão local por compressão tecidual e também à distância, a medida que
a cavidade se expande por estiramento.
Estes fatores também estão presentes quando a pele é penetrada. A avaliação da
extensão da lesão tecidual é mais difícil quando não existe penetração cutânea do que
quando há uma lesão aberta.Traumatismos contusos que não deixam marcas visíveis na pele
são especialmente passíveis de passarem desapercebidos. Um soco desferido contra o
abdome pode deformar profundamente a parede sem deixar marcas. Por isso é de
fundamental importância pesquisar a história do evento que ocasionou a lesão.
A figura 01 ilustra estes fatos. Batendo com um taco de madeira, com a mesma
intensidade, em umalata de alumínio e em um pedaço de espuma, observa-se que a lata,
após o impacto, mostra claramente que recebeu a transferência de energia devido à aparente
deformidade. De outro modo, o pedaço de espuma instantaneamente após o impacto retoma
sua forma original.

Fig. 01

Assim sendo, se não soubéssemos da “história”, não suspeitaríamos pela simples
observação, que aquele material sofrerauma intensa absorção de energia.
Uma cavidade (ou deformação) visível após um impacto é definida como permanente,
enquanto aquela que não é visível é definida como temporária. O tamanho da cavitação é
determinado pela quantidade de energia transferida.
As cavidades temporárias são formadas no momento do impacto, sendo que os tecidos
retornam a sua posição prévia após o impacto. Este tipo de...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • cinemática do trauma
  • Cinemática do trauma
  • Cinemática do trauma
  • Cinemática do trauma
  • Cinemática do Trauma
  • cinematica do trauma
  • cinematica do trauma
  • Cinemática do trauma

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!