Cinco

Páginas: 9 (2089 palavras) Publicado: 28 de fevereiro de 2015
INSTITUTO TEOLÓGICO QUADRANGULAR










Cinco Linguagens do amor










SANTO ANDRÉ
2015
INSTITUTO TEOLÓGICO QUADRANGULAR









cinco linguagens do amor





Trabalho apresentado à disciplina
ACONS. E ORIENTAÇÃO FAMILIAR do curso
Livre em Teologia do
Instituto Teológico Quadrangular,
Como requisito parcial para
a conclusão dadisciplina











SANTO ANDRÉ
2015

SUMÁRIO


RESUMO ............................................................................................................4
INTRODUÇÃO ....................................................................................................5
DESENVOLVIMENTO ........................................................................................6CONCLUSÃO ...................................................................................................12
REFERÊNCIAS.................................................................................................13





















Resumo


Na correria do dia a dia, não temos tempo pra nada, e mesmo assim o que nos falta nos relacionamentos são apenaslinguagens afetivas. Vamos aprender como ligar com isso e aplicação das cinco linguagens do amor.

























INTRODUÇÃO

As vezes temos a sensação de algo ou alguma coisa muda depois de um tempo, por exemplo, se assistirmos um vídeo de nós mesmos, em que foi gravado a uns 2 anos atrás, perceberemos grandes mudanças, como, cabelo e estilos de roupa. Não éverdade? E isso não é diferente nos relacionamentos, existem mudanças positivas e negativas. Os nossos sentimentos são tão fortes e queremos fazer tudo para agradar ao outro. Não somos conscientes dos seus defeitos e fraquezas e estamos convencidos que vai ser sempre assim. 
Na realidade, depois de um tempo de estarmos apaixonados (talvez dois anos), os nossos sentimentos mudam. Começamos a vercoisas no nosso cônjuge que nos irritam, e não estamos dispostos a fazer tudo que ele quer. Pelo contrario, é difícil agradar ao outro quando não queremos.















DESENVOLVIMENTO


Amor é o vocábulo mais importante em qualquer idioma — e também o que mais gera confusão! Pensadores, tanto seculares quanto religiosos, concordam que este sentimento ocupa um papel central emnossa vida. Diz-se que “o amor é uma coisa esplendorosa” e “o amor faz o mundo girar”. Milhares de livros, músicas, revistas e filmes existem pela inspiração dessa palavra. Inúmeros sistemas filosóficos e teológicos estabeleceram um lugar de destaque para esse sentimento. E Jesus coloca o amor como a característica que deve distinguir seus seguidores. Se concordarmos que a palavra amor permeia asociedade humana, tanto no passado, como no presente, devemos admitir que também é uma das mais confusas. Nós a utilizamos em milhares de formas. Dizemos: “Eu amo cachorro quente!” e, numa outra frase: “Eu amo minha mãe!” Nós a usamos para descrever atividades que apreciamos: nadar, patinar e caçar. Amamos objetos: comida, carros e casas. Amamos animais: cachorros, gatos e até tartarugas. Amamos anatureza: árvores, grama, flores e estações. Amamos pessoas: mãe, pai, filhos, esposas, maridos e amigos. Chegamos até a nos apaixonar pelo próprio amor. Como se isso tudo não fosse suficientemente confuso, também usamos a palavra amor para explicar determinados comportamentos: “Agi dessa forma porque a amo”. Essa explicação muitas vezes é dada como desculpa. Um homem que se envolve em adultériochama esse relacionamento de amor. O pastor, por sua vez, chama-o de pecado. A esposa de um alcoólatra recolhe os “pedaços” após o último “episódio” de seu marido. Ela chama essa atitude de amor; os psiquiatras, porém, tratam-na como co-dependente. Um pai que atende a todos os desejos de seu filho também chama essa atitude de amor. Alguma coisa em nossa natureza clama por ser amado ou amada. O...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Usando as mãos, contando de cinco em cinco
  • cinco r
  • As Cinco Ofertas
  • Cinco minutos
  • CINCO MINUTOS
  • Cinco sentidos
  • Os cinco Reinos
  • Cinco equívocos

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!