CALU

Páginas: 12 (2828 palavras) Publicado: 8 de agosto de 2013

Estratégia de diversificação para a
Cooperativa Agropecuária Ltda. de
Uberlândia











1. Introdução
O presente trabalho tem porobjetivo traçar uma estratégia competitiva baseada na Análise Estrutural da Indústria, bem como as cinco forças competitivas elaboradas por Michael Porter. Para tanto, utilizamos a empresa CALU.
História da Cooperativa
A Cooperativa Agropecuária Ltda. de Uberlândia – Calu foi fundada em 24 de maio de 1962 por um grupo de aproximadamente 40produtores de leite da região que viram no Cooperativismo a saída para enfrentarem as dificuldades de comercializar a produção leiteira.
Possuindo hoje um forte nome no mercado ela comercializa mais de 50 produtos lácteos entre eles o leite pasteurizado e longa vida, iogurtes, queijos, requeijão e manteiga em cidades do Triângulo e Alto Paranaíba Mineiro, São Paulo, Goiás, Rio de Janeiro, DistritoFederal, além de outros estados do Norte e Nordeste do Brasil. 
A Calu hoje emprega cerca de 350 colaboradores. São aproximadamente 3 mil produtores cooperados, dos quais cerca de 1 mil estão atualmente ativos – ou seja, fornecem leite à Cooperativa. 
A Cooperativa conta com a matriz, em Uberlândia e quatro filiais: em Monte Alegre de Minas, Tupaciguara, Gurinhatã e Ituiutaba.
Além daindustrialização de lácteos, a Calu atua ainda no setor de lojas agropecuárias (abertas aos cooperados, colaboradores e comunidade em geral), nas quais comercializa produtos agropecuários, lácteos e vestuário, além de oferecer assistência veterinária e agrônoma, por meio da Área de Desenvolvimento e Assistência Técnica da Cooperativa - DAT. 
  A Cooperativa conta ainda com a fabricação de rações esuplementos minerais
A credibilidade da Calu foi conquistada ao longo dos anos e está refletida nos prêmios acumulados, tais como o Top Of Mind em Uberlândia, pela 12ª vez consecutiva.
Fonte: Site oficial Calu

2. CALU eas cinco forças competitivas
2.1. Fornecedores
Por ser uma cooperativa, a CALU possui uma interação comercial com os cooperados. Esses cooperados têm participação efetiva na empresa como investidores e fornecedores. Dos 3000 cooperados da empresa, 1000 fornecem leite à CALU. A CALU também vende rações para vacas lactantes, o que estimula a produção de maiores quantidades de leite e tambémmelhora a qualidade do mesmo, fazendo assim, um processo de integração vertical possuindo assim um controle sobre sua matéria-prima principal. Assim sendo, tendo cooperados como fornecedores, a negociação ocorre com bastante facilidade.
2. 2. Compradores
A CALU tem em sua marca uma forte aliada. Os consumidores têm na marca CALU confiança, familiaridade em se tratando de uma marca bastantepopular e também já está no mercado de Uberlândia e região a 49 anos.
2.3. Substitutos
Desde a sua entrada no mercado, a CALU construiu uma clientela fiel, que aprecia o seu produto. Com isso, os produtos substitutos encontram bastante resistência dos consumidores. À medida que o substituto ganha o mercado a empresa promove novas estratégias fazendo valer a força de sua marca. Sendo assim, aentrada de qualquer substituto no mercado se torna difícil.
2.4. Entrantes Potenciais
No mercado em que a CALU atua, a empresa que tentar entrar para competir encontrará barreiras à entrada, pois terá de confrontar com uma marca tradicional e popular e com uma estrutura bem definida de produção. Além disso, não terá o mesmo poder de negociação com fornecedores, o que será um grande...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Calu em revista
  • Calu Fontes
  • TECNOLOGIA DE LATICÍNIOS – CALU Roteiro de Visita Técnica

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!