café

Páginas: 39 (9687 palavras) Publicado: 25 de novembro de 2014
CORTANDO A MANTIQUEIRA:
ENTRE CAFÉ E ABASTECIMENTO NO SUL DE MINAS
(1880-1920)1
Alexandre Macchione Saes2
Fábio Francisco de Almeida Castilho3
A economia cafeeira brasileira dos oitocentos pode ser historicamente dividida
em dois períodos: um primeiro cujos contornos se estabelecem entre as décadas
de 1860 e 1880 e, um segundo, que se beneficiará das transformações econômicas
e sociais doBrasil de fins do século XIX, cuja expansão é mais destacada a partir
de 18804. Personificada na dicotomia entre uma cafeicultura escravista do Vale do
Paraíba e aquela cultura localizada no Oeste Paulista, considerada mais moderna,
produtiva e beneficiada do processo de imigração, esta diferença temporal de
aproximadamente vinte anos foi suficiente para construir trajetórias econômicasbastantes distintas.
A Província de Minas Gerais, por seu turno, também desenvolveria duas regiões
produtoras de café que reproduziriam a mesma dicotomia das áreas de produção
do Rio de Janeiro e de São Paulo5: uma região produtora, extensão da produção
fluminense, que alcançaria a Zona da Mata nos primórdios da introdução da
cultura no país, se valendo amplamente do trabalho escravo e docircuito mercantil
carioca. E, de outro lado, a região do Sul de Minas, em que a produção de café
somente começaria a apresentar alguma relevância durante a década de 1880,
alcançando cerca de trinta por cento da produção do Estado durante as primeiras
décadas do século XX.
O presente artigo pretende avaliar a expansão da produção de café no Sul
de Minas, região cuja disseminação da atividade deexportação se firmou em
território marcado pelo comércio de abastecimento. Neste sentido, a chegada do
café gerou um processo de rearticulação dos municípios sulmineiros, não somente
com seus mercados externos, como também com atividades produtivas internas. A
1
2

3

4

5

Esta pesquisa contou com apoio da FAPESP.
Cientista Social, Doutor em Desenvolvimento Econômico pela UniversidadeEstadual de Campinas.
Bolsista de Produtividade em Pesquisa do CNPq (nível 2). Professor do Departamento de Economia
da Universidade de São Paulo. E-Mail: .
Doutor em História Política pela Universidade Paulista Júlio de Mesquita Filho. Atualmente realiza
estágio pós-doutoral junto ao Departamento de Economia da Universidade de São Paulo, com uma
bolsa de estudos da FAPESP. E-Mail: .
Parauma discussão sobre os ciclos e fases do mercado cafeeiro ver: DELFIM NETTO, Antonio. O
problema do café. São Paulo: Editora da UNESP, 2009.
Comparando as duas regiões produtoras de café em São Paulo, o paralelo é semelhante: no Vale
do Paraíba processou-se uma acumulação de capitais originária de atividades agrícolas anteriores,
como o açúcar a produção de alimentos, sem a intervenção diretado capital mercantil, criando as
bases para a transformação de pequenas e médias propriedades agrícolas em grandes empresas
cafeeiras. Já no Oeste a existência de uma atividade exportadora açucareira anterior ao café foi
que permitiu a acumulação de riquezas, possibilitando a formação dos latifúndios cafeeiros, cf.:
SALLES, Ricardo. E o vale era o escravo: Vassouras, século XIX – senhores eescravos no coração
do Império. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2008.
sÆculum - REVISTA DE HISTÓRIA [29]; João Pessoa, jul./dez. 2013.

323

acumulação resultante desta cultura do café ampliava o espaço para diversificação
de novos negócios, garantindo um ambiente para a construção de um “complexo
econômico”. O artigo pretende identificar e recortar o Sul de Minas conforme suasatividades produtivas agrícolas, se valendo, para tanto, dos Censos Agrícolas e de
dados do transporte de mercadorias das ferrovias da região nas duas primeiras
décadas do século XX.
Complexo cafeeiro como instrumento de análise
Ao longo da segunda metade do século XIX a produção de café assumiu papel
de destaque nas receitas das exportações brasileiras, garantindo a rearticulação
do país com...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • O cafe
  • Cafe
  • café
  • Café
  • CAFÉ
  • cafe
  • Cafe
  • Cafe

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!