Burnout em professores de educação física

Páginas: 16 (3889 palavras) Publicado: 29 de janeiro de 2013
BURNOUT EM PROFESSORES DE EDUCAÇÃO FÍSICA



INTRODUÇÃO



Ao longo dos anos a preparação profissional em Educação Física passou por mudanças profundas. Antes o curso de licenciatura formava profissionais para atuar na área escolar e também nos outros campos que existiam fora dessa área.

Hoje encontramos uma realidade um pouco modificada, com a criação do Bacharelado,ocorreu à separação da licenciatura e do bacharelado, onde o licenciado fica responsável pelo atendimento na área escolar e o bacharelado em locais fora do contexto escolar, como academias de musculação, clubes e escolinhas.

Porém atualmente as dificuldades que estes profissionais enfrentam todos os dias acabam por expô-los a diversos estressores, onde se mantidos por muito tempo podem levar aaquisição da síndrome de burnout.

Gil-Monte (2002), descreve que a síndrome de burnout é resultado de um estresse crônico, geralmente desenvolvido no ambiente de trabalho, tendo maior prevalência em profissões que requerem um contato mais próximo com os clientes (médicos, policiais, professores).

Benevides-Pereira (2002), afirma que a síndrome de burnout é fundamentada em trêsdimensões: Exaustão emocional (onde o indivíduo apresenta sentimentos de fadiga geral), Despersonalização (sentimentos de frieza e impessoalidade com seus clientes, colegas de trabalho e chefia) e Baixa realização profissional (onde o indivíduo apresenta insatisfação com as atividades realizadas no trabalho e acredita que não conseguirá obter sucesso).

Tendo isso em vista a escolha destetema ocorreu devido à curiosidade em relação a qual das áreas de atuação em educação física, escolas ou academias, na cidade de Araranguá tem maior propensão a desenvolver a síndrome de burnout.

O problema de pesquisa buscou analisar: Quais condições de trabalho que possibilitam aos professores de Educação física correr o risco de ter a doença de burnout.

Nesta perspectiva, oobjetivo deste estudo foi investigar quais das áreas de atuação do profissional de educação física, academias ou escolas, estão mais propensas ao desenvolvimento da síndrome de burnout.

A partir do exposto acima, para facilitar o cumprimento do objetivo geral, foram traçados os seguintes objetivos específicos: Comparar o nível dos licenciados e bacharelados dentro do processo do burnout;analisar as condições de trabalho dos educadores físicos; identificar os benefícios do exercício físico na prevenção do stress; oferecer auxílio aos profissionais para um melhor conhecimento sobre a síndrome de burnout e formas para enfrentá-la.




PROFESSORES DE EDUCAÇÃO FÍSICA BACHARELADOS E LICENCIADOS: O RISCO DE DESENVOLVER A DOENÇA DE BURNOUT PELAS CONDIÇÕES DE TRABALHO DESENVOLVIDO NACIDADE DE ARARANGUÁ.




De acordo com Bracht (1999), a educação física instalada no âmbito escolar entre os séculos XVIII e XIX, teve sua forma de atuação, em grande parte, conduzida pela medicina e pelo exército.

Porém, atualmente as escolas, geralmente as públicas, na grande maioria não possuem uma boa estrutura de ensino e de apoio, com falta de materiais e instalações empéssimo estado, dificultando o trabalho a ser realizado pelo professor. (CHICATI, 2000).

Cardoso (2003), descreve que em busca de um padrão de vida satisfatório, os professores acabam por trabalhar em mais de um local, onde muitas vezes ele acaba se tornando insatisfeito com a situação de trabalho que se submete, afetando a qualidade de seus serviços.

De acordo com Nunes Sobrinho(2002), o professor ainda sofre com mais causadores de estresse no campo de atuação, onde se incluem instrumentos e materiais pedagógicos, iluminação, ruídos, tempo de serviço diário e os relacionamentos pessoais.

Sampaio (2004) acrescenta que os professores de escolas sofrem muitas vezes com o numero de alunos presentes em cada turma atendendo diariamente uma média de 35 alunos por turma....
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • importancia do professor de educação fisica
  • Professor Educação Física
  • Percepção dos professores de educação física da
  • Ética do Professor de Educação Física
  • Entrevista com um Professor de Educação Física
  • Professor de Educação Física
  • Professor Educação Física; Nutricionista
  • Prova para Professor de Educação Física

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!