Bullying

Páginas: 25 (6121 palavras) Publicado: 18 de setembro de 2014
1. INTRODUÇÃO

Quem nunca foi zoado ou fez uma gozação com alguém na escola? Risadinhas, empurrões, fofocas, apelidos como “bola”, “rolha de poço”, “quatro-olhos”. Todo mundo já testemunhou uma dessas “brincadeirinhas” ou foi vítima delas. Mas esse comportamento, considerado normal por muitos pais, alunos e até professores, está longe de ser inocente. Ele é tão comum entre crianças eadolescentes que recebe até um nome especial: bullying. Trata-se de um termo em inglês utilizado para designar a prática de atos agressivos entre estudantes. Traduzido ao pé da letra, seria algo como intimidação. Trocando em miúdos: quem sofre com o bullying é aquele aluno perseguido, humilhado, intimidado.
Existe também o cyberbullying que é um pouco mais complicado de lidar, pois o anonimato da redetorna difícil a identificação, mas não impossível. Nas páginas a seguir veremos um pouco desse mundo tão cruel e ao mesmo tempo tão próximo a nós.



















2. Bullying

Bullying é a prática de atos violentos, intencionais e repetidos, contra uma pessoa indefesa, que causa danos físicos e psicológicos. O termo vem do inglês (bully) que significa tirano, brutal. Aviolência é praticada por um ou mais indivíduos, com o objetivo de intimidar ou agredir a vítima. O bullying geralmente é feito contra alguém que muitas vezes não consegue se defender e não entende os motivos daquela agressão gratuita. A vítima geralmente teme os agressores, por serem violentos e opressores. O bullying é praticado em qualquer ambiente, ou seja, na rua, na escola, na igreja, no clube etc.Muitas vezes é praticado por pessoas dentro da própria casa da vítima. No Brasil o bullying é traduzido como o ato de bulir, tocar, bater, soquear, zombar, tripudiar, ridicularizar, colocar apelidos jocosos, colocar em dúvida a masculinidade ou feminilidade da vítima, são as práticas mais comuns. As pessoas agredidas pelo bullying apresentam alguns sintomas como o distúrbio do sono, problemas deestômago, transtornos alimentares, irritabilidade, depressão, transtornos de ansiedade, dor de cabeça, falta de apetite, pensamentos destrutivos, como desejo de morrer, entre outros. Em muitos casos as vítimas recorrem à terapia para amenizar as marcas deixadas pela agressão.

2.1 Brincadeira que não tem graça

E isso não deve ser encarado como brincadeira de criança. Especialistas revelam queesse fenômeno, que acontece no mundo todo, pode provocar nas vítimas desde diminuição na autoestima até o suicídio. O bullying diz respeito a atitudes agressivas, intencionais e repetidas praticadas por um ou mais contra outro. Portanto, não se trata de brincadeiras ou desentendimentos eventuais. Os indivíduos que são alvos de bullying sofrem esse tipo de agressão sistematicamente. Para os alvosde bullying, as consequências podem ser depressão, angústia, baixa autoestima, estresse, absentismo ou evasão escolar, atitudes de autoflagelação e suicídio, enquanto os autores dessa prática podem adotar comportamentos de risco, atitudes delinquentes ou criminosas e acabar tornando-se adultos violentos. A pesquisa que foi realizada com alunos de escolas de Ensino Fundamental do Rio de Janeiro,apresenta dados como o número de crianças e adolescentes que já foram vítimas de alguma modalidade de bullying, que inclui, além das condutas descritas anteriormente, discriminação, difamação e isolamento. O objetivo do estudo é ensinar e debater com professores, pais e alunos formas de evitar que essas situações aconteçam. A pesquisa que revela que 40,5% dos 5.870 alunos entrevistados estãodiretamente envolvidos nesse tipo de violência, como autores ou vítimas dele. Em janeiro de 2003, Edimar Aparecido Freitas, de 18 anos, invadiu a escola onde havia estudado, no município de Taiúva, em São Paulo, com um revólver na mão. Ele feriu gravemente cinco alunos e, em seguida, matou-se. Obeso na infância e adolescência, ele era motivo de piada entre os colegas. Na Bahia, em fevereiro de 2004,...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Bullying
  • Bullying
  • Bullying
  • Bullying
  • Bullying
  • O Bullying
  • bullying
  • Bullying

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!