brincadeiras de meninos e meninas

Páginas: 12 (2951 palavras) Publicado: 5 de dezembro de 2013
As atitudes, as palavras, os brinquedos, os livros procuram moldar as crianças para que aceitem e assumam os rótulos que a sociedade lhes reservou. Para os homens o público e a política, para as mulheres o privado e a casa.
As normas sociais prescrevem posturas, comportamentos, atitudes diferenciadas para homem e mulheres. Desde a infância, tais atitudes são enraizadas através dosrelacionamentos na família, na escola, construindo assim valores que determinam nossos comportamentos.Devemos enxergar como natural o fato de que meninos e meninas possuem papéis e comportamentos pré-determinados?
As hierarquias de gênero são contestadas e mantidas pormeninos e meninas que vivem em um ambiente coletivo e público de educação.
Ao pensar a criança em todas as suas dimensões, encontramos nabrincadeira uma das formas de expressão: a forma como a criança se manifesta culturalmente. Deste modo as brincadeiras oferecem múltiplas possibilidades de investigação a partir da própria produção cultural infantil e das condições em que isso ocorre.
Estudos sobre as relações de gênero e a educação de crianças confirmam que meninos e meninas demonstram comportamentos, preferências competências,atributos de personalidade mais apropriada para o seu sexo, seguindo, desde bem pequenas, as normas e padrões estabelecidos. Então, como analisar as relações nas brincadeiras entre crianças pequenas e na produção da cultura infantil, considerando-as como atores sociais, capazes de múltiplas relações?
Com as leituras realizadas o próprio conceito de gênero, seu percurso, suas transformaçõesdesde sua criação, procuramos acompanhar as discussões teóricas atuais.
O argumento de que homens e mulheres são biologicamente distintos e que a relação entre ambos decorre dessa distinção, e na qual cada um deve desempenhar um papel determinado.
No final da década de 70 e os anos 80 novas concepções de Estudiosas/ feministas colocaram em questão os paradigmas da “biologização” dos sexos, que viamnas diferenças biológicas uma explicação e uma justificativa para as desigualdades entre homens e mulheres, construindo um novo campo de estudo: o gênero.
De acordo com Joan Scotta utilização do termo gênero constituiu um dos aspectos daquilo que se poderia chamar de estudos feministas. Para a utilização do conceito de gênero foram necessários alguns anos, muitos embates e discussões, muitapesquisa, artigos, palestras e seminários para que se começasse a romper os grupos de estudos “de mulher” para “gênero” e o conceito adquirisse um novo estatuto.
Desse modo gênero pode ser entendido como um elemento constitutivo das relações sociais fundadas sobre as diferenças percebidas entre os sexos, que fornece um meio de decodificar o significado e de compreender as complexas conexões entreas várias formas de interação humana (Scott, 1995). É a construção social que uma dada cultura estabelece ou elege em relação a homens e mulheres.
Ao utilizar o gênero como categoria de análise para observar as diferentes formas de brincadeiras dos meninos e meninas, procuramos abordar questões relativas àpráticas educativas de docentes e, fazer relação com o que as crianças constroem entre elas,reproduzindo ou transgredindo as regras impostas pelo adulto, construindo a cultura infantil.
As pesquisas sobre gênero e educação mostram que as instituições escolares, através de regimentos, organização dos espaços e da distribuição do tempo, constituem em importantes espaços para a formação de crianças e jovens:
As crianças aprendem o sexismo na escola ao se defrontar com a hierarquia dosistema escolar, onde os papéis feminino e masculino estão determinados. Tal sistema define que, no futuro, os homens serão dirigentes no mundo do trabalho, enquanto às mulheres está destinado o segundo lugar nos processos de decisão. Isto imprime no inconsciente e no consciente das meninas um limite para suas ambições (Alembert, apud Valenzuela e Gallardo, 1999, p.25).
Guacira LopesLouro...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Analise do texto brincadeiras de meninos e meninas
  • Meninas e meninos
  • meninos e meninas
  • Menino ou menina?
  • Meninos e meninas mitos e verdades
  • Estereótipos de meninos e meninas
  • Meninos e meninas em uma sociedade sexista
  • Meninos e meninas de ruas

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!