Bleger, josé. temas de psicologia – entrevistas e grupos são paulo, wm

Páginas: 23 (5716 palavras) Publicado: 30 de novembro de 2012
A epistemologia convergente segundo Jorge Visca

Daniela Baliza Seixas



Sumário

Resumo 3
Introdução 3
Os caminhos da psicopedagogia no terceiro milênio 5
O balanço 5
Os caminhos 6
Definições conceituais 7
Como vetor de análise 7
A inteligência 8
Afetividade 8
A pré-adolescência 9
Aprendizagem 9
O esquema evolutivo da aprendizagem 10
O modelo nosográfico 11
Os obstáculosda aprendizagem 11
A matriz de pensamento diagnóstica 12
Problemas de aprendizagem de acordo com a epistemologia convergente 13
O processo diagnóstico 14
Considerações finais 14
Referências bibliográficas 16

Resumo
Este artigo trata de uma pesquisa de Referência Bibliográfica, onde descreve Jorge Visca, um argentino, considerado o “pai da psicopedagogia”, formando a primeira geração depsicopedagogos no Brasil. Este que foi professor de graduação em escolas comuns, o que lhe rendeu o conhecimento e a vivência cotidiana em sala de aula e uma compreensão realista dos problemas de aprendizagem. Foi um dos primeiros psicopedagogos que se preocupou com a epistemologia da psicopedagogia e propôs estudos baseados no que se chamou de epistemologia convergente, resultado da assimilaçãorecíproca de conhecimentos fundamentados no construtivismo, estruturalismo construtivista e no interacionalismo. A partir disto, este artigo tem como objetivo principal fazer um breve relato sobre esse autor, bem como seus modelos, métodos, problemas e obstáculos da aprendizagem. Parte de idéias do próprio autor e de autores que são influenciados por Jorge Visca. Aborda também, além de um pouco dahistória do autor, modelos propostos e exemplificados por ele, bem como sua evolução, fundamentados na integração dos aportes da psicanálise e da epistemologia genética, que forma a estrutura da teoria e técnica psicopedagógica de maneira muito clara. Apresenta os problemas de aprendizagem, a prevenção do ponto de vista psicopedagógico, a matriz de pensamento diagnóstica, os problemas de aprendizagemde acordo com a epistemologia convergente e enfim o processo diagnóstico, que serve de interesse e orientação aos alunos e de estudo para especialistas, professores ou interessados em acrescentar um pouco mais de informação aos seus conteúdos programáticos.

PALAVRAS-CHAVES: Aprendizagem; Epistemologia Genética; Epistemologia Convergente e Psicopedagogia.
Introdução
Jorge Visca, argentino,foi professor de graduação em escolas comuns, o que lhe proporcionou o conhecimento e a vivência cotidiana da sala de aula e uma compreensão realista dos problemas de aprendizagem. Graduou-se como professor em Ciências da educação na Universidade de Buenos Aires em 1966. Formou-se como psicólogo social pela Escola de Psicologia Social fundada por Enrique Pichon, e fundador do Centro de EstudosPsicopedagógicos de Buenos Aires (CEP) e da chamada “Epistemologia Convergente”(TEKOA, 2003).
“Visca, 1987, foi um dos primeiros psicopedagogos que se preocupou com a epistemologia da psicopedagogia e propôs estudos baseados no que se chamou de epistemologia convergente, resultado da assimilação recíproca de conhecimentos fundamentados no construtivismo, estruturalismo construtivista e nointeracionalismo. Essas contribuições influenciaram a psicopedagogia brasileira, mas diferenciam-se dependendo da região”(ROCHA, 2000-2005. pág.3).
Jorge Visca é considerado pela literatura dos profissionais da área, como sendo “o pai da psicopedagogia”. Em 1979, este professor introduziu no Rio de Janeiro seus ensinamentos formando a primeira geração de psicopedagogos. Ofereceu cursos e supervisões emvários pontos do país ajudando n a formação e especialização de psicopedagogos brasileiros. Fundou CEPs no Rio de Janeiro, Salvador e Curitiba. Ainda em 1980, criou-se a Associação de Psicopedagogos de São Paulo, e, 1985, a Associação Brasileira de Psicopedagogia. Faleceu em 2000, deixando sua marca inconfundível no que diz respeito á teoria da prática pedagógica clínica, bem como diversos livros...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Temas de psicologia entrevistas e grupos josé bleger
  • Bleger, josé
  • A entrevista psicológica. In: Temas de Psicologia: entrevista e grupos. São Paulo: Martins Fontes, 2003.
  • TEMAS DE PSICOLOGIA: ENTREVISTA E GRUPOS
  • Temas de psicologia: entrevista e grupos
  • Temas de psicologia: entrevista de grupo
  • Temas de psicologia: entrevista psicológica e grupos
  • Fichamento- temas de psicologia: entrevistas e grupos

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!